Coisas de Diva Coisas de Diva Coisas de Diva

A gente vive falando por aqui que é para você usar o que bem quiser e se amar do jeito que é, não é verdade? Na teoria nós sabemos de tudo isso ai, mas na prática, a coisa complica.

Quando era criança, era bem desencanada com essas coisas de beleza, queria mais era brincar e pouco me importava com vestidos e maquiagens. Só comecei a me interessar por isso já maiorzinha, adolescente, que foi quando me interessei mais por batons, máscaras e shampoos e também pela minha própria imagem. Te contar que nesse época, eu era bem feliz comigo mesma, não enxergava defeitos físicos e me aceitava muito bem.

Só fiquei mais encanada comigo mesma lá por volta dos 20 anos, quando comecei a me comparar com as outras meninas, com as modelos de revista, e achar que estava lotada de defeitos e que nunca seria boa o suficiente. Cheguei a ter vergonha de me olhar no espelho se tivesse mais alguma menina do meu lado, acredita nisso? Eu tinha vergonha de quem eu era.

Foto: Rodolfo Corradin

Aposto que lendo tudo isso você pensa “meu Deus, mas que bobagem, você não tinha porque se sentir assim!”. Tenho praticamente 100% de certeza que não tinha mesmo, e vendo minhas fotos, rapaz, eu era um piteuzão. Mas naquela época, não tinha Cristo que me fizesse pensar de forma diferente, podia acontecer o que fosse, e quem quer que falasse, minha ideia de inadequação não saia da cabeça e foi assim por muito anos. Te contar que era triste e difícil, por mais que me arrumasse e me esforçasse para parecer bem, sempre via alguém cheia de defeitos no espelho.

Hoje mais adulta e mais madura, estou superando essa visão torta de mim mesma, mas é um processo longo e díficil. Hoje consigo entender um pouco mais dessa visão de mim mesma, entendo porque me sentia daquela forma e já consigo fazer um esforço para ver as coisas de um jeito diferente. Mas minha lista de coisas físicas que gosto em mim é bem menor do que a lista das coisas que não gosto. Da onde que a gente tira isso, né?

Se pudesse, gostaria de voltar no tempo e abraçar a Sabrina de 20 anos e dizer “menina, você não tem noção de como é maravilhosa!”.Queria eu mesma poder dizer isso e me lembrar de todas as coisas sensacionais que a vida me reservou. Teria vivido tão melhor, tão mais desencanada e tão mais feliz. 🙂 Não digo que aquilo tudo foi bobagem, porque me marcou muito, mas eu tentaria fazer a jovem se ver de outo jeito.

Contei toda essa história porque tenho certeza que tem gente que se identifica com a Sabrina de 20 anos, que não consegue ver coisas positivas em si mesma. E para essas pessoas, digo de coração, você é sensacional, você é maravilhosa, você é uma lutadora! Se abrace menina e seja tão carinhosa com você como você seria com uma amiga. Tenha compaixão por você como você tem por qualquer pessoa próxima a você.

Se uma amiga te falasse tudo isso, tenho certeza que você tentaria animá-la mostrando todos os pontos positivos dela, não é? Pois então, seja essa amiga para você mesma. E se tudo isso for muito difícil, recomendo até um tratamento com psicólogo. Eu queria que tivesse essa ajuda de um profissional naquele momento que tinha vergonha de mim, acho que as coisas teriam sido melhores.

Para não ficar só no blábláblá, fazer uma lista com todas as suas qualidades, não só as físicas, é uma boa forma de começar a se ver de um jeito diferente. Valorize o que você tem! <3

Categorias
Compartilhe nas redes sociais
39 Comentários: Nos conte o que tem a dizer
Visualizar Comentários
Nos conte o que tem a dizer

Para usar avatar, cadastre-se com seu email em gravatar.com
O que nossas divas já nos disseram
  1. ISABELA ALEVATO

    Sa, você é linda! Também tive/tenho problema de aceitação, mas falando de você, se servir um elogio de amiga, você é linda sim!! Tanto na beleza, quanto no carisma, na boa vontade de dividir tanta coisa com a gente, e tantas outras! Tenha um ótimo final de semana!! beeeijos

  2. Karina

    Engraçado como eu tb só me aceitei melhor qdo estava quase nos 30… Aprendi a me amar, apesar das gorduras, pelancas, marcas de espinha, varizes. Meu corpo é perfeito, não tenho nenhum problema grave de saúde, então pra que reclamar? Primeiro passo para ser bonita é se sentir bonita. Infelizmente, a maioria das jovens e adolescentes precisam passar por um processo doloroso como vc e eu passamos para assumir a própria beleza. Espero sinceramente que este espaço público e tão visitado transforme um pouco essas jovens e as faça se aceitar mais rapidamente. Se amar é maravilhoso!

    • Verdade Karina, é uma pena que a gente só tenha esse entendimento depois de um tempo.

  3. Aline Xavier

    Que linda!! 🙂

  4. Bia

    É impressionante a lavagem cerebral que a gente sofre na adolescência, viu… Não conheço uma alma viva que não tenha tido esse tipo de problema alguma vez na vida. Eu também era super molecona na infância, não gostava de batom, brinco, unha pintada, cabelo feito nem nada… Só com uns 15 anos que fui começar a me arrumar e mesmo assim me achava MUITO feia, MUITO gorda, MUITO tudo de ruim. E hoje aos 30, olhando pra trás, dá vontade de voltar no tempo e esbofetear aquela menina linda, com corpaço, que tinha VERGONHA de mostrar as pernas e sair com os amigos. =(
    Mas sempre que a insegurança bate hoje em dia, me lembro das minhas avós dizendo pra aproveitar a juventude porque ela passa tão rápido e o sentimento de arrependimento lá na frente é maior. =)

    • Acho que quando a gente é mais nova, é muito suscetível às influências externas. Eu mesma, acreditei por muito tempo que não era boa o suficiente por ter uma “cabeça fraca”. Hoje vejo como perdi tempo. Ainda bem que a gente amadurece, né Bia.

  5. Janaina

    Estava justamente pensando nisso um momento antes de ver as novidades do blog, sobre da forma em que nos vemos! Você deu um UP! no meu dia! Obrigado

  6. Janaina

    Estava justamente pensando nisso um momento antes de ver as novidades do blog, sobre a forma que nos vemos! Você deu um UP! no meu dia! Obrigado

  7. Amei seu texto… super me identifiquei!!
    Acho q na verdade muita gente já passou por isso…

  8. Elena

    Sá, ADOREI SEU POST° as vezes acho que voce diz o que eu penso mais nao sei dizer nem pra mi m mesma do jeito que voce consegue (desculpa os erros, se lembra que nao escrevo direito Portugues, estou no Uruguai)… o mesmo a Thais e a Marina… voces sabem refletir o que a gente pensa, vive, nao pensa mais vive… voces nos refletem e nos fazem reflexionar. Eu tenho 44, olha quanto mais velha que voce… mais graças a Deus ninguem pensa que tenho minha idade (seu post sobre como voce nao aparenta sua idade e por que, que voce fiz ha tampo me fiz rir, podia te-lo escrito eu!)… e ainda assim me sinto tao perto de voces, me lembro tao bem do que sentia aos 20 e e mismo assim como voce diz. Em quanto a lista de coisas boas de mim, eu vou dizer uma coisa aqui boa de mim. Meu bom gosto e acerto para escolher UM blog no internet de beleza! Eu tive a super inteligencia de intuir que seu blog ia ser muito muito bom sempre…. rsrsrs … serio, la em 2009, acho?… procurando uma resenha encontrei voces e embora nao gosto de blogs de beleza em geral, adorei voces e tive a sensacao de que voces eram legais. De la ate agora, jamais soltei o blog. Sendo de outro pais e mais velha que todas voces, acho voces que nem que fossem mias irmas, as adoro, passei a adorar Curitiba por voces (eu vou ir, claro!), passei a adorar os posts de voces, sua evolucao, sua naturalidade, o amadurecimento de cada uma e seu jeito de ainda ficar divertidas, de nao ficar “serias” pela idade. Me lembro de ver voce em fotos de perto que voce postou, la no principio, e pensar, caraca, a menina e tao bonita! e me lembro que voce estava falando de dicatrizes e sei la, e eu achando, mais ela e tao meiga, bonita, olhos maravilhosos, sorrisao, inteligencia, simpatia para o que der e vier, naturalidade… ela e tao tao tao maravilhosa por fora e dentro! entao, e com sinceridade que digo que voce e, SIM, MARAVILHOSA no quesito aparienca E interior. Eu assiste no Live no Youtube o outro dia e mostrava a minha familia (nao entendiam pelo idoma, mais podiam ver seu jeito) como voce e meiga ao natural, como voce es espontanea e mostra seus sentimentos tao naturalmente. Minha famlia nem sabe bem quem voce e, e mesmo assim diziam, que guria bonita e meiga!!!!!!!!! Voce e para mim, em muitos sentidos, Sa, uma inspiraca. Nao estou tentando ser boazinha. Voce e mesmo. Voce tem me inspirado TANTO! mesmo sendo 6 anos (acredito) mais jovem que eu, voce tem me ensinado TANTO da vida, me fiz ter menos lastima de mim e fazer mais quando eu ficava meio de baixo astral… mais tambem eu achei em voce alguem com quem achar normal chorar o ser sensivel em muitos temas em que voce falou de insegurancas ou problemas… voce e gente como a gente, so que me MELHOR, no bom senso de ser mais evoluida (ao menos mais que eu RSRSRS) e seu jeito realmente tem me ajudado muito muito muito muito em minha vida… nao faz nem a ideia. Entao, algo bom de MIM e que eu tem sabido escolher QUEM ler no internet… porque todas voces tem preenchido vazios em minha vida, sendo mais amigas que muitas amigas mesmo sem nos conhecer nem habitar perto. Voce e magnifica. Voce me inspira. E eu agora gracas a voce sei que posso servir de inspiracao tambem, eu mesma, para outros. Obrigada pelo tudo, Sa. Um beijao do tamanho do meu Uruguai!!!!!!!! <3

    • Bianca

      Menina do céu, esses elogios nem foram pra mim e chorei aqui hahahahaha disse tudo e mais um pouco, todas vocês 3 são maravilhosas, cada uma a sua maneira! Vocês tem um jeito de fazer nos sentirmos próximas a vocês, e compartilhar as alegrias e fraquezas da vida que todas nós temos, mas que faz um bem danado vermos que não somos as únicas, e que tudo passa! Sá, você é maravilhosa, e pode tudo menina! É por blogueiras assim que esse mundo de internet vale a pena! Bjoos <3

    • Oi Elena, não sei nem o que dizer sobre o seu comentário. Fiquei muito emocionada e só tenho a agradecer por você ser essa pessoa maravilhosa que dedicou um tempinho do seu dia apenas para me fazer sentir melhor. Você é uma pessoa iluminada, muito obrigada, de todo meu coração. Seus amigos e parentes tem sorte de te ter por perto. 🙂

  9. gente é para aplaudir de pé esse post
    AMEI
    Beijos lindona

  10. Mariana Menezes

    Tenho 34 anos e me vejo exatamente como vc se via aos 20. Não tenho gostado do que vejo no espelho, tanto no rosto quanto no corpo. Tive um filho aos 15 anos e meu corpo sofreu muito com isso, e infelizmente não tenho grana suficiente para fazer plásticas e deixar tudo como era antes, então fico super encanada com isso.

    • Paula

      Menina, mas quer exemplo melhor de como você é maravilhosa do que ter um corpo que já gerou uma criança? Você manteve ele ali saudável por uns bons meses e deu à luz a um ser humano! Sim, o corpo muda depois de ter filho mas a gente muda ainda mais por dentro, né? Para mim ter tido filho me fez ser um pouco menos crítica com meu corpo, pq ele funcionou tão direitinho o tempo todo que tem mais é que ser respeitado! Espero de coração que você seja mais gentil consigo mesma <3

    • Ouve a Paula, Mari. <3

    • Marcia

      Mariana, para mim você é uma deusa, literalmente. Mulher, tu já gerou e pariu uma vida, quanta beleza e força há nisso? Simplesmente tem alguém no mundo por causa do seu corpo, se curte, você é linda, é divina, não se esqueça disso.
      Eu também já passei por problemas de aceitação, e quem não? Insegurança vende, mas é na auto-estima e amor próprio que criamos força para viver a vida. Você é linda, eu não tenho dúvidas.

  11. Luiza Correa

    Eeeee textão maravilhoso que a gente logo se identifica rss
    Já me senti mais como a Sabrina de 20, mas hj em dia tento fazer o mesmo que você. Tento treinar uma visão positiva sobre mim mesma, mas é meio difícil ainda. Mas aos poucos vamos avançando.
    Psicólogo é algo que ainda não tenho coragem de encarar, sabe? Sei lá. Vergonha, não sei.
    Adoro vocês! <3

    • Não tem porque ter vergonha, Luiza. Terapia é a melhor coisa do mundo.

  12. Suzana A.

    Eu quase nunca comento por aqui, mas esse seu texto me tocou muito..claro que você é e sempre foi maravilhosa…eu tbm tenho muitos problemas de aceitação, as vezes me sinto muito inferior as outras pessoas seja na vida social ou acadêmica (que pode ser muito selvagem), isso muitas vezes me desmotiva. Mas eu estou sempre tentando dizer pra mim mesma que eu sou tão boa quanto qualquer outra pessoa.

  13. Marina Smania Pilotto

    Sá, que texto lindo! Muito verdadeiro. Nós sempre temos muita facilidade de elogiar pessoas queridas, mas quando se trata de nós a coisa muda. Por que, né? Obrigada por compartilhar essa reflexão! Você e as meninas com certeza estão mudando a vida de muita gente; vocês são inspiradoras (e maravilhosas!).

  14. Xica

    Uauu!! Lindo texto, adorei!
    É bem assim mesmo, se fosse alguma amiga geralmente já elogiaríamos e tentaríamos colocar ela pra cima, mas qdo é a gente é tão difícil…
    To numa fase que tive que adiar alguns planos meus, não estou conseguindo me cuidar direito, parei de treinar, engordei 4 kgs, minha vida total fora da rotina que era, mas para cuidar de uma pessoa que é mto importante pra mim, e mesmo sabendo que é passageiro e logo ela estará 100% bem e eu poderei a voltar à vida “normal”, me sinto exausta, um bagaço, desmotivada pra me cuidar… e isso é mto importante pra mim já que tb mtas vezes me senti como vc aos 20 e poucos.
    Serve como motivação, assim como foi o texto da Thaís desses dias atrás.
    Vc é linda Sabrina e tem uma energia positiva contagiante. Aliás, vcs 3, cada uma com seu jeitinho.
    Desde q conheci o blog não deixei mais d acompanhar, é minha referência para produtinhos de beleza e agora me dá um up e tanto na autoestima tb!!
    bjus

  15. Aline Prado

    Sá, gostei muito do seu post, e gostaria de aproveitar para fazer um desabafo sobre uma situação pessoal, se me permite.

    Sempre fui um tanto quanto insegura com a minha aparência, mas tbm vaidosa, gosto muito de me cuidar, e já havia algum tempo que isso não me incomodava.

    Porém, no início desse ano, passei por um término de relacionamento, o que não deveria, mas acabou abalando um pouco minha auto-estima. Dei uma “relaxada” com a alimentação, mas mantinha meus cuidados com pele, cabelos, etc. Então, em abril, passei por uma cirurgia. Fui submetida a um transplante de córnea, e precisei ficar um mês em repouso total (total mesmo!). Durante esse período eu só me via parada, comendo, e percebi que estava engordando. Para “melhorar”, recebi restrições enormes em relação ao uso de cosméticos faciais e para cabelos. Resumindo: eu desabei na deprê. De lá até agora engordei 9kg, e não posso fazer nenhum tipo de atividade física para recuperar minha forma. Voltei a trabalhar, mas não posso me arrumar como de costume, então sinto vergonha de encarar meus alunos (sou professora de Direito) e colegas. Me sinto horrível, deformada, não consigo nem me olhar no espelho. Apesar de sempre ter feito terapia e continuar com as sessões, não consigo me aceitar nesse momento, está sendo muito difícil. Gostaria de me sentir grata pela cirurgia ter sido bem-sucedida, ppr estar bem de saúde, mas não consigo. Gostaria de ter essa maturidade e serenidade das quais você fala no post. Obrigada por trazer reflexões como essa para o blog e mostrar que é gente como a gente.

    Um grande beijo!

    • Oi Aline, o mais importante nesse momento é você continuar a terapia e pegar mais leve com você mesma. No momento você está em recuperação, tendo que focar nos cuidados pós operatórios. Lembre que sua saúde é o que mais importa nesse momento e depois que estiver 100%, você pode voltar a pensar nas outras questões. Força!

  16. Márcia Daniella

    Também queria muito uma máquina do tempo. Ia voltar lá com a Daniella de 20 anos e dizer : você é bonita, você é inteligente, você é capaz.

  17. Sâmela

    Nossa, que texto lindo! Quem me dera poder voltar a Sâmela dos 20 anos! Real

  18. Sâmela

    Que texto lindo, Sabrina. Agora fiquei com lágrimas nos olhos ;,( quem dera pudéssemos voltar no tempo e dizer a nós mesmas que não era necessário se preocupar com coisas bobas…que tudo iria passar.
    Hoje, mais que tudo, tento aproveitar bastante meus dias, pois eles estão voando!
    Um beijo e tudo de bom pra vc! Você é muito meiga!

  19. Silmara

    Gente, e essa foto maravilhosa???? Engraçado Sá, eu também fui uma adolescente que não me sentia bem em minha própria pele, hoje eu me amo, não gostaria de ser outra pessoa, ter outro cabelo, acho que isso vem com o amadurecimento mesmo (estou com 30 anos). Somos todas maravilhosas!

  20. Roberta

    Que texto lindo, Sabrina! Acho que todas nós passamos por esse processo na adolescencia!

  21. Que amor de texto Sabrina ! <3 Também já não tenho 20 anos e me sinto melhor agora, e pelo menos me aceito melhor agora. Importante e muito bonito seu recado. E você é demais!!

  22. Bia

    O CDD faz muito bem pra alma da gente!!!

  23. […] Texto incrível da Sabrina do “Coisas De Divas” pra acreditar que Você é maravilhosa!      […]

  24. Miriã Andrade

    Que linda! Texto maravilhoso, preciso levar isso para a minha vida, tem dias que estamos lá embaixo. Amei, Sá! 😉