Acho que estou ficando meio monotemática, mas não tenho culpa que as marcas estão lançando tanta coisa para a pele oleosa! Hoje te conto sobre a base Fit Me! Matte Maybelline, que estava deixando nossas leitoras com coceira de tanta curiosidade para saber se ela funciona de verdade.

Base Fit Me! Matte Maybelline: resenha na pele oleosa

Base Fit Me!

Lá no site da Maybelline está escrito que essa base tem micropartículas que absorvem a oleosidade e disfarçam as imperfeições, com efeito matificante e controle do brilho por 12 horas. Falam ainda que a novidade tem textura uniforme e reduz as aparências dos poros.

Base Fit Me! Matte Maybelline: resenha na pele oleosa

19 cores, estou sonhando?

Mas antes de começar a resenha, vem cá amiga, vamos nos abraçar e comemorar por motivos de: Maybelline lançou no Brasil 19 cores dessa base. Sim, DEZENOVE cores. Calma que me emocionei tanto que até caiu um negócio aqui no meu olho. Será que estamos dando adeus para aqueles lançamentos que traziam toda uma gama de TRÊS cores de base? Vamos acender uma vela para os deuses da maquiagem para que daqui para frente as marcas tragam cada vez mais cores para TODOS OS TONS DE PELE. Pela atenção, obrigada.

Ah, lá nos idos de 2011, cheguei a testar a versão americana da Fit Me!, mas acho que a fórmula não é a mesma que está sendo lançada aqui no Brasil, já que no site diz que ela foi feita exclusivamente para o tipo de pele brasileira.

Base Fit Me! Matte Maybelline: resenha na pele oleosa

A cor que comprei foi a 110, a segunda mais clara e que no final das contas, acho que ficou só um pouco mais escura do que gostaria. Algumas leitoras reclamaram que a cor mais clara ainda é escura para elas, mas não tinha a 100 na farmácia que eu comprei para ver com minhas próprias mãos. Ah, na Panvel só tinha umas 8 cores, tomara que as outras estejam chegando por lá.

Resenha: o que achei da Fit Me! Matte da Maybelline

A base é bastante líquida e fina. Ela não é difícil e nem chata de espalhar e assim que seca, dá um acabamento bem opaco no rosto. Mas ela não é grossa e nem craquela, o acabamento é natural e leve. Não é daquelas base estilo REBOCO, sabe?

A cobertura também é leve, achei que nesse sentido, ela poderia ser um pouco mais potente. Veja nas fotos que ela não chega a cobrir completamente as manchas da minha pele. Notei também que ao longo do dia meu rosto foi ganhando aquele brilho natural da pele oleosa. A base não chegou a controlar a oleosidade pelo dia todo, entende?

Base Fit Me! Matte Maybelline: resenha na pele oleosa

Sem nada, com a base e maquiada.

Mesmo sendo mate, senti que a Fit Me! não dá uma aparência artificial na pele, mas para mim que tenho cicatrizes e marcas de espinhas, a cobertura dela foi baixinha demais. Ela não tem cheiro forte e transfere um pouco ao encostar um guardanapo na pele. Comparando com uma base mais cara, acho que ela lembra a Naked da Urban Decay.

Resenha em vídeo

Para quem gosta de ver resenhas em vídeo, expliquei tudo certinho neste abaixo. O bacana dele é que dá para ver a textura e a cobertura na hora que estou passando a base. Vale a pena assistir.

Se inscreva no canal do Coisas De Diva.

Ingredientes da fórmula

Base Fit Me! Matte Maybelline: resenha na pele oleosa

Preço e onde comprar

A base custa em média R$38 com 35 ml e deve estar chegando nas drogarias e lojas de cosméticos de todo o país. Online tem aqui e aqui.

70 Respostas

Compartilhe

Resenha: Base Cushion Make B. Boticário

Resenha: Base Cushion Make B. Boticário

Vou te contar que fiquei meio impressionada quando soube do lançamento da Base Cushion Make B. do Boticário. Este tipo de maquiagem é super conhecida nos países asiáticos, mas nunca foi muito comentada por aqui. Por isso minha surpresa com a modernidade do Boticário. Até se quiserem continuar nesta onde de produtos orientais, fica o apelo pela produção de um óleo de limpeza, uma espuma de limpeza, um protetor solar sequinho, uma essencia facial… tá bom, parei! 🙂

Ah, também preciso dizer que ganhei o tom errado da base, que ficou bem escuro para mim. Mas como ia demorar muito até eu comprar outra cor pela internet e chegar na minha casa, resolvi fazer a resenha o mais rápido possível usando o tom errado mesmo. Fica aqui o pedido de desculpas antecipado.

Resenha: Base Cushion Make B. Boticário

O que é esse tal de cushion?

A tecnologia foi criada na Coréia e une fórmula leve com alta cobertura e grande fator de proteção. Pensa ai, é super difícil encontrar base com alta cobertura e textura que não craquela, não é? O mesmo acontece com produtos com FPS alto, que, geralmente, ou deixam a pele melecada, ou deixam o rosto esbranquiçado. Pois a maquiagem estilo cushion veio para resolver todos estes problemas. Essa nova tecnologia também permite que a base em creme, que geralmente tem uma certa viscosidade, ganhe textura leve e aveludada no rosto.

A embalagem lembra a de um pó, mas na verdade traz o produto em um creme líquido, com uma esponja que serve como dosador. Para usar, é só apertar seu pincel ou aplicador sobre a porta esponjosa e aplicar dando batidinhas no rosto. Não sei se será o caso da base do Boticário, mas normalmente os produtos em estilo cushion permitem o uso de refil.

O cushion mais famoso nos países asiáticos é o BB Cushion Laneige, que eu mesma revirei lojas procurando quando viajei, mas infelizmente não consegui encontrar. Já me animei e pedi um pelo eBay, quando chegar, faço resenha.

Resenha: Base Cushion Make B. Boticário

Base Cushion Make B. Boticário

O Boticário conta que a nova base junta o conforto base líquida, de textura oil free, com toque seco e FPS 40. Eles ressaltam também que a Base Cushion fica armazenada em uma esponja desenvolvida com tecnologia única, que absorve todo o produto e proporciona uma aplicação dosada. A marca tem 3 cores disponíveis: Bege Claro, Bege Médio (a que testei) e Mel.

Resenha: Base Cushion Make B. Boticário

Resenha: o que eu achei da Base Cushion Make B. Boticário

Deixando de lado o fato que a cor é completamente errada para mim, achei a textura no rosto genial. A base é cremosa, fácil de espalhar e um pouco só de produto já cobre o rosto com uma cobertura de média para alta. Tome cuidado para não se empolgar e acabar com base demais no rosto, não precisa de muita quantidade para ter uma cobertura boa.

Resenha: Base Cushion Make B. Boticário

Depois de espalhada, ela deixa o rosto semi opaco e aveludado. A sensação é de leveza, não senti aquele toque grudento ou melecado. Assim como não senti acúmulo de produto e nem efeito craquelado, que normalmente as bases mais opacas deixam.

Passando ao meio dia, só senti meu rosto começar a brilhar por volta das 21h da noite. Para quem tem pele oleosa, essa base é uma ótima opção. O porém são as poucas opções de cores e o preço salgado.

Ela transfere um pouco ao passar leve de lenço ou tecido no rosto.

Resenha: Base Cushion Make B. Boticário

Sem nada, com a base e maquiada. Sim, a cor da base está BEM errada, mas é o que temos para hoje. 🙂

Resenha em vídeo

Testei a base, mostrei o resultado e falei basicamente a mesma coisa que você leu aqui no vídeo abaixo. Mas acho que vale a pena você ver tudo isso em movimento! Não deixe de se inscrever no nosso canal para ver todos os vídeos antes!

Minha amiga Andreza Goulart testou a cor Bege Claro e mostrou em vídeo também, dê o play para ver a resenha dela.

Ingredientes da fórmula

Resenha: Base Cushion Make B. Boticário

Preço e onde comprar:

A Base Cushion de Make B. Boticário custa R$124 com 17g e está disponível em 3 cores: Bege Claro, Bege Médio e Mel. Acredito que para mim, a cor mais adequada seria a Bege Claro. Você encontra a Base Cushion nas lojas Boticário de São Paulo e no e-commerce da marca. Ainda este ano a novidade chega em todas as lojas do Brasil.

 

79 Respostas

Compartilhe

Melhores produtos de 2015: base

Hoje vamos dar início a uma série diferente de posts, com os melhores produtos de 2015 segundo a opinião de cada autora. Até o dia 03 de janeiro, colocaremos as maquiagens, cosméticos e perfumes de que mais gostamos no ano que está quase chegando ao fim! Acompanhem com a gente e não esqueçam de contar nos comentários quais foram os de vocês para cada categoria, hein? A de hoje é base.

melhor base de 2015

Esse último ano deve ter sido o ano em que mais testei bases na vida! E olha, descobri muitas que foram maravilhosas, mas acho que minha favorita mesmo foi a Liquid Halo, da Smashbox. Ela é uma base feita com tecnologia sensível à luz – tem pigmentos cobertos de gel que simulam filtros fotográficos para minimizar imperfeições. A base promete uma aura de luz líquida (ou ‘liquid halo’) para realçar a pele mas sem cobri-la – ela deixa transparecer o tom natural da pele sem criar uma camada pesada sobre ela. Basicamente ela tem tudo que eu gosto numa base: textura leve, cobertura natural na ‘vida real’ e em fotos ainda passa uma impressão de que estou usando uma base de maior cobertura. Para mim, valeu o investimento.

melhor base de 2015

Este ano foi o que minha pele deu uma bela de uma surtada e de apenas oleosa, foi para ULTRA oleosa. Nesse momento escrevo com um monte de espinhas no rosto, oh tristeza! Dentre as versões que usei em 2015, a Liquid Powder da Dermage foi a que mais me fez feliz. Com textura leve, cobertura média, textura aveludada,aparência super natural, não pegajosa, não oleosa e sem brilho. Logo que aplicada, a base deixa a pele semi mate e ao longo do dia ajuda a controlar um pouco o brilho do rosto. Vale dizer que ela não craquela nas linhas de expressão. Ultimamente só tenho usado ela!

Confira aqui o tratamento que estou fazendo para tratar a pele e as espinhas.

melhor base de 2015

Esse foi um ano em que eu não testei muitas bases por um simples motivo: estava feliz com as que tinha e, volta e meia, acabava me rendendo ao CC Cream. Sei que ele tecnicamente não é uma base, mas considero essa versão da Make B., de O Boticário, como tal. O produto é muito parecido com a base de linha normal da marca e tem uma cobertura bacana. Nos (muitos) dias de preguiça em 2015, foi ele quem me salvou, uma vez que é bem simples espalhar o creme com os dedos. Minha cor é a Nude e temos uma resenha em conjunto feita sobre o CC Cream aqui. Ah, e antes que vocês surtem que estou usando algo de um ano e meio atrás no rosto, explico: estou no meu terceiro tubo – se isso não é amor, não sei mais o que é, hahahaha!

29 Respostas

Compartilhe

Bases para pele negra por Maraisa Fidelis

Hoje Maraisa Fidelis do blog Beleza Interior nos fala sobre bases para pele negra e conta quais são as suas favoritas. Não deixe de se inscrever no nosso canal no YouTube para ver todos os vídeos que estamos publicando por lá.

Veja mais da Maraisa: Canal no YouTube | Blog

 Maraisa está usando: Batom Viva Glam I MAC, Brinco Kauffmann Semi Jóias e Blusa FARM. Eu estou com vestido Forever 21, Camisa Renner e batom Perfect Nude Eudora.

As bases mostradas no vídeo são:

– Base Líquida Efeito Matte Vult, de R$18,90 a R$26,90 (na internê) – Cor Bege 04 + Marrom 01
– Base HD Yes Make Up R$27,90 – Cor Marrom Médio
– Base Líquida Matificante Eudora Soul R$33,99 – Cor Bege Escuro
– SuperStay 24 Mayelline R$49,90 – Cor Honey Beige Medium
– Mary Kay Time Wise R$59,90 – Cor Bronze 1
– Avon Ideal Face R$37,99 – Cor 06 Mel
– Lightful C Tinted Cream MAC R$159,00 – Cor Dark
– Studio Fix Fluid MAC R$119,00 – Cor NC42
– Studio Skin Smashbox R$189,00 – Cor 3.3
– BareSkin bareMinerals R$137,00 – Cor Bare Sand 12
– All Day Luminous Weightless Foundation NARS R$249,00 – Cor Cadiz
– Perfection Lumière Chanel R$270,00 – Cor 44 Beige Ambré

 Agradecimentos ao Hotel Bourbon pelo apoio.

17 Respostas

Compartilhe

Base Liquid Halo, Smashbox

Hoje é dia de uma resenha que estou devendo faz tempo: a da Liquid Halo, da Smashbox!

liquid halo

Liquid Halo

liquid halo

A Liquid Halo é uma base feita com tecnologia sensível à luz – ela tem pigmentos cobertos de gel que simulam filtros fotográficos para minimizar imperfeições. Ela promete uma aura de luz líquida (ou ‘liquid halo’) para realçar a pele mas sem cobri-la – ela deixa transparecer o tom natural da pele sem criar uma camada pesada sobre ela. Tem FPS 15.

Resenha: o que achei dela?

Há alguns meses, comecei a ver muita gente elogiando essa base e logo fiquei curiosa – quando li a descrição dela, fiquei mais ainda. Achei que era ela tinha tudo que procuro numa base e resolvi que iria experimentar para ver se gostava.

liquid halo

Fui até uma Sephora, experimentei e levei a cor 2. Mas, se você está sempre aqui no blog, já deve ter notado que tenho uma certa dificuldade em encontrar o tom certo das bases pra mim, mesmo experimentando na loja e com ajuda da vendedora haha. Achei que ela ficou um pouco laranja pra mim, talvez eu devesse ter ficado com 1.

Mas tirando esse pequeno problema, eu AMEI essa base. Atualmente tenho muitas bases boas, mas arrisco dizer que essa é minha favorita.

liquid halo

Ela tem uma textura cremosa bem leve e fácil de espalhar. A cobertura é leve – acho que ela cumpre muito bem o que está indicado na descrição dela, ela uniformiza a pele sem cobrir totalmente. Uma coisa que eu acho muito boa é que, na ‘vida real’ eu acho a cobertura dela bem natural, bem leve, como eu gosto. Sem parecer uma máscara. Mas quando tiro fotos, parece que estou usando uma base de cobertura muito maior – o que é ótimo para mim justamente por causa do blog.

Além disso, ela se comportou muito bem na minha pele, que tende a ser meio temperamental, em todos os climas – quando está muito quente, ela não deixa a pele oleosa, e quando está frio, ela não ressalta áreas mais ressecadas ou linhas finas. Em resumo: pra mim é uma base MÁGICA (haha) e eu recomendo bastante para quem tem o gosto parecido com o meu.

Veja aqui um guia de como escolher a base ideal para você.

Ingredientes e onde comprar

A Liquid Halo vem em dez cores e custa R$ 204 – tem para comprar na Sephora, com frete grátis.

Ingredientes: Octinoxate 4.90%, Titanium Dioxide 2.90%. Inactive Ingredients: Water\Aqua\Eau, Isododecane, Cyclopentasiloxane, Dimethicone, Butylene Glycol, Polymethyl Methacrylate, Trioctyldodecyl Citrate, Polysilicone-11, Coco-Caprylate/Caprate, PEG/PPG-18/18 Dimethicone, Polyglyceryl-4 Isostearate, Sodium Hyaluronate, Ascorbyl Palmitate, Cetyl PEG/PPG-10/1 Dimethicone, Hexyl Laurate, Quaternium-90 Bentonite, Dimethicone Silylate, Magnesium Aluminum Silicate, Alumina, Silica, Propylene Carbonate, Sodium Chloride, Caprylyl Glycol, Hexylene Glycol, Stearic Acid, Palmitic Acid, C12-16 Alcohols, Hydrogenated Lecithin, Disodium EDTA, Phenoxyethanol. May Contain: Mica, Titanium Dioxide, Iron Oxides.

31 Respostas

Categorias

Nas Tags:

Compartilhe

Página 1 de 1912345

×