Coisas de Diva Coisas de Diva Coisas de Diva

ruby rose

Ahá, olha só quem apareceu por aqui, a base do momento, da Ruby Rose! Ela ficou super famosa nas últimas semanas por prometer alta cobertura e acabamento mate. Fiquei curiosa para testar e eis aqui minha opinião sobre ela:

Base Matte Ruby Rose

ruby rose

A Base Matte Ruby Rose, como indica o próprio nome, promete textura mate na pele e cobertura alta. Ela vem numa embalagem de bisnaga com 29 ml. Pelo que vi, existem 9 ou 10 opções de cores, a que eu comprei é a L2, a segunda mais clara.

O que achei dela?

Vamos começar pelo óbvio: eu já sabia disso, muita gente me disse que eu não curtiria essa base porque ela promete alta cobertura e acabamento mate, e eu gosto de produtos mais leves. Mas eu sou curiosa, queria porque queria testar – e como ela é barata, eu não tinha muito a perder. Comprei a cor L2 porque chutei que seria a minha, mas não é – ela é bem amarelada, e como tenho o tom de pele muito rosado, ela fica parecendo muito clara e amarela em mim. Se fosse comprar novamente, acho que compraria a L3.

ruby rose

A base é bem cremosa, tem um cheiro agradável e é fácil de espalhar (tenho aplicado com os dedos mesmo, ou com esponjinha). Ela realmente tem uma cobertura muito alta e é mesmo bem sequinha, como vi nas milhões de resenhas que tem dela na internet – para mim, que gosto de cobertura mais leve, ela não é o tipo de base que eu vou usar no meu dia a dia. Mas não desgostei dela, não – pelo contrário, achei que o acabamento na pele fica bem bonito.

Aproveitei para testar justamente nos dias quentes que tivemos aqui em Curitiba na última semana, quando qualquer pele fica mais oleosa, e gostei dela. Ela transfere um pouco, sim (outro dia estava usando ela e falei ao telefone por alguns minutos, quando desliguei a tela do celular estava bem maquiadinha, risos), mas não deixa aquela sensação de pele melequenta nem oleosa. Não é o produto que eu usaria para um programa mais casual, no meu dia a dia, mas usaria para algum evento que pedisse maquiagem mais carregada sem problemas. Mas, se você gosta de alta cobertura, vai com fé.

ruby rose

Ah, também não usaria ela no inverno porque no frio minha pele fica bem ressecada – tenho impressão de que marcaria muito as linhas de expressão e me deixaria com aparência envelhecida.

Composição

ruby rose

Onde comprar

Dá para comprar a Base Matte Ruby Rose em perfumarias – sei que em São Paulo dá para achar nas lojas da 25 de Março, aqui em Curitiba eu nunca vi em lojas físicas (mas uma amiga me avisou que tem na Sul Center da Praça Generoso Marques, no Centro, no 2o andar – mas diz a lenda que acaba rapidinho) – ou online, eles tem uma loja virtual e tem vários vendedores no Mercado Livre que vendem também. Foi lá (no Mercado Livre) que comprei a minha, mas não recomendo muito o vendedor, então não vou linkar aqui. O preço pode variar bastante, desde R$ 5 até R$ 15.

Categorias
Compartilhe nas redes sociais
21 Comentários: Nos conte o que tem a dizer
Visualizar Comentários

Base Mate Dailus Líquida Soft

Olha a base mate passando por aqui dando um oi pro pessoal de pele oleosa! Essa resenha vai especialmente para quem pediu aqui nos comentários e no nosso formulário de pedidos de posts que fica aqui na barra lateral. Sabe que aqui quem manda é as leitoras, né? Resumindo a coisa toda, a base Mate Dailus Líquida Soft promete uniformizar a pele com alta cobertura e fórmula enriquecida com Vitamina E.

Base Mate Dailus Líquida Soft

Resenha: o que achei da base Dailus

A base tem textura cremosa, alta cobertura, acabamento mate, não esfarela, não fica manchada na pele e não tem cheiro forte. Ela transfere um pouco e deixa uma sensação de que tem alguma coisa em cima do rosto. Apesar de ser opaca, a textura não “some” e nem fica aveludada.

Base Mate Dailus Líquida Soft

A cor que comprei foi a Bege Médio, que ficou escura, mas não tinha a mais clara na loja que fui. Também achei o fundo meio amarelo demais para meu tom de pele.

Base Mate Dailus Líquida Soft

Ao longo do dia não percebi nenhuma diferença na oleosidade da pele, ou seja, ela não ajuda a controlar o brilho. Quem gosta de base de alta cobertura e acabamento mate, pode gostar. Ela me lembrou a Ultimate Finish da Vult e a Mate da Mary Kay.

Resenha em vídeo.

Não é o tipo de base que eu gosto, porque ela vinca as linhas de expressão por ser opaca demais. Mas estou ligada que esse tipo de base é o preferido de quem tem pele oleosa. Nesse sentido, acho que o pessoal pode gostar dela.

Neste post mostro e comento tudinho sobre as melhores bases para pele oleosa que já usei.

Ingredientes da fórmula

Base Mate Dailus Líquida Soft

Preço e onde comprar

A base Mate Dailus Líquida Soft com 30g custa em média R$20. Você encontra geralmente em lojas de cosméticos e em algumas farmácias.

Categorias
Compartilhe nas redes sociais
16 Comentários: Nos conte o que tem a dizer
Visualizar Comentários

Eu adoro bases de acabamento natural! Acho que elas marcam menos as linhas de expressão e deixam o visual geral mais leve – uso até à noite ou em grandes eventos sem problema. Até tenho algumas de maior cobertura que eu adoro, mas confesso que uso bem eventualmente – então resolvi fazer uma listinha por aqui das minhas favoritas com cobertura leve:

Bases de acabamento natural: minhas favoritas

Lancôme Miracle Air de Teint

Bom, vou começar falando do 5o até o 1o lugar na minha ordem de preferência, ok? Na verdade, eu AMO essa base da Lancôme, a textura é sensacional, fica linda na pele maaaaas infelizmente ela é muito cara (custa R$ 269 por aqui), além disso, eu não encontrei uma cor que se adaptasse perfeitamente ao meu tom de pele. Eu conseguia usar a minha sem grandes problemas, mas não era a cor 100% ideal. Aliás, disse ‘conseguia’ porque infelizmente essa base já não está mais entre nós – derrubei ela no chão sem querer e o vidro quebrou (junto com meu coração). 🙁 RIP Air de Teint.

BB Cream Embryolisse

Ok, não é uma base, mas vocês sabem que eu sou uma roubadinha nesses posts, risos. Esse BB Cream tem uma cobertura quase nula, mas ele faz uma bruxaria que não sei nem explicar: o efeito é o de que você não passou nada na pele, mas ela fica magicamente mais bonita. Juro, se pudesse usava esse BB Cream sempre no dia a dia. A Embryolisse, para quem não conhece, é uma marca super tradicional francesa – e agora dá para encontrar aqui. Além disso, esse produto acabou de chegar nas lojas e quase dei um pulo de alegria. Até ver que ele custa R$ 189 (hahaha quase escorreu uma lágrima aqui).

Vitalumière Aqua, Chanel

Eu nunca usei a base Face and Body, da MAC, que é uma das famosas e conhecidas pela cobertura natural e fórmula à base de água, mas pela descrição, imagino que ela seja parecida com a Vitalumière Aqua, uma das minhas favoritas da vida! É levíssima, uniformiza a pele de forma natural e acho que serve para todo tipo de pele, seja oleosa ou seca.

Color Adapt, O Boticário

Agora chegou a vez das minhas duas favoritas atuais! Começando pela Color Adapt, do O Boticário: eu já tinha adorado essa base quando testei, há algum tempo, mas depois tive outros produtos para testar e ela acabou meio esquecida. Outro dia lembrei dela e, olha, que base boa! De todas as cinco desse post, é a mais sequinha, então acho que é uma boa mesmo para quem tem pele mais oleosa. Além disso, a cor dá bem certo para o meu tom de pele (uso a Nude e acho ela super laranja na embalagem, mas quando aplico, magicamente ela se adapta mesmo).

Liquid Halo, Smahsbox

Minha base favorita EVER, já falei mil vezes dela aqui e continuo amando. Acho que deixa a pele super bonita, com um plus: funciona muito bem em fotos! Se você gosta de cobertura leve, experimente – infelizmente ela também não é barata, além de ser difícil encontrar todas as cores por aqui…

E aí, quem tem mais indicações de boas bases de acabamento natural?

Categorias
Compartilhe nas redes sociais
15 Comentários: Nos conte o que tem a dizer
Visualizar Comentários

Você acompanhou minhas resenhas por aqui, não foi? Mas hoje resolvi juntar tudo no mesmo lugar e começo o dia comparando as bases MAC que testei recentemente. Aqui tem a Studio Fix Fluid, Pro Longwear Nourishing e a Matchmaster, todas ótimas opções para quem tem pele oleosa.

No vídeo abaixo tem tudo super completo, com as informações sobre cada base, a comparação delas na pele com e sem maquiagem e também o que achei de cada uma. Vale muito a pena ver tudo isso em movimento.

Se inscreva no nosso canal.

Base Matchmaster MAC

Esta base tem acabamento opaco e deixa a pele sem nenhum brilho. Ela tem textura leve e não deixa nenhuma sensação sobre a pele, nem de toque acetinado e nem melequento. Das 3 bases MAC que testei recentemente, é a que tem menor cobertura, de baixa para média. A cor que tenho é a 2.0, que é um pouco amarelada, mas acho que deu certo no meu tom de pele. Como ela é bem sequinha, tive a sensação que esta base deixou minha pele sem brilho por mais tempo. Mas nada assim extremamente milagroso, só uma ajudinha pequena mesmo. Das 3, foi a que mais gostei, mas todas elas são ótimas para pele oleosa. A resenha completa está neste link.

A base Matchmaster da MAC com 35 ml custa R$ 171, está disponível em 12 cores e pode ser encontrada nas lojas da MAC e na loja virtual da Sephora.

Comparando as bases MAC: Studio Fix Fluid, Pro Longwear e Matchmaster

Comparando as bases MAC: Studio Fix Fluid, Pro Longwear e Matchmaster

Sem nada, com a base e maquiada.

Base Studio Fix Fluid MAC

Studio Fix Fluid é bastante líquida e espalha fácil sem esfarelar ou craquelar no rosto. A cobertura é média e o acabamento não chega a ser mega opaco. Tocando na pele, a sensação é aveludada, ela não fica peguenta e nem oleosa. Não é uma base grossa, não marca os poros e nem acumula no canto do nariz ou abaixo dos olhos. No quesito oleosidade,  não senti melhora e nem piora no brilho do rosto. Encostando um guardanapo no rosto, ela transfere um pouco. Testei a cor Nw25, que ficou um pouco escura para mim. Resenha completa da Studio Fix Fluid aqui.

A Base Studio Fix Fluid MAC com 30ml está disponível em 34 cores e custa R$123. Tem MAC nas lojas da marcae na Sephora online.

Comparando as bases MAC: Studio Fix Fluid, Pro Longwear e Matchmaster

Comparando as bases MAC: Studio Fix Fluid, Pro Longwear e Matchmaster

Sem maquiagem, com a base e maquiada.

Base Pro Longwear Nourishing MAC

Mesmo tendo uma cobertura média e acabamento semi opaco, a Pro Longwear é uma base bem leve. Ela tem textura líquida e não pesa na pele, não fica craquelando e nem marcando algumas regiões do rosto, como algumas bases de cobertura maior costumam fazer. Não percebi nenhuma oleosidade extra na pele, mas também, não notei nenhum controle a mais do brilho.

Ao tocar no rosto, a sensação é acetinada, a base não fica peguenta e nem melecada. Passando um lenço com força na pele, ela transfere só um tiquinho. Ela rende muito e uma quantidade pequena já dá para espalhar no rosto todo. Em nome da ciência entrei com ela embaixo do chuveiro e a Pro Longwear ficou no lugar. Ela só saiu mesmo com o demaquilante. Para quem tem pele oleosa e gosta de acabamento leve e sem brilho, ela pode ser uma boa opção.

Essa base tem a fórmula diferente da versão que é vendida na embalagem de vidro, essa do post é à prova de água e pode ser usada também como corretivo. Resenha completa aqui.

A base com 25 ml custa R$151 e está disponível nas lojas físicas e no e-commerce da MAC e também na loja virtual da Sephora.

Comparando as bases MAC: Studio Fix Fluid, Pro Longwear e Matchmaster

Comparando as bases MAC: Studio Fix Fluid, Pro Longwear e Matchmaster

Sem nada, com a base e maquiada.

Veja também o post onde mostro minhas bases preferidas para a pele oleosa.

Todas elas tiveram a mesma duração no meu rosto durante o inverno aqui em Curitiba. Mas acredito que no verão, a Pro Longwear, que é à prova d’água, deve se comportar melhor.

Categorias
Compartilhe nas redes sociais
20 Comentários: Nos conte o que tem a dizer
Visualizar Comentários