Já comentei algumas vezes que sou consultora da Natura mas confesso que não sou muito praticante da “profissão”. Só fico sabendo das novidades pelo livrinho e quem mais vende mesmo é minha mãe.

Mas aproveitei essa relação com a empresa para pedir um favorzão para minha promotora: deixar eu testar e tirar fotos da nova linha de maquiagem. E não é que ela topou? Me emprestou todo o mostruário NOVINHO para mostrar aqui no blog.

Então durante esta semana farei uma série de três posts com uma visão geral dos produtos e muitas fotos (imagens valem mais do que palavras!!). Por isso já peço paciência com os posts quilométricos. Vamos lá?

Pré-maquiagem
Essa é uma das grandes novidades desta coleção. A Natura promete hidratar, controlar o brilho excessivo, minimizar a aparência dos poros e linhas de expressão e dar maior fixação para a maquiagem.

A primeira diferença que notei foi a textura do pré-maquiagem. Os outros que já testei (Clinique, Smashbox) tem aquela textura estranha que nunca vou saber definir, algo como uma cera. Já esse da Natura parece mais um creminho e por isso precisa de uma quantidade maior para espalhar no rosto todo.

Na aplicação na mão notei que ele dá uma leve suavizada na aparência dos poros.

No rosto a sensação foi a mesma. Notei que ele não deixou a pele super lisinha, mas disfarçou um pouco a aparência dos poros.
Na hora de aplicar o corretivo reparei que ele deu uma segurada no pincel, sabe quando as cerdas não escorregam tão facilmente?

Gostaria de testar o produto em condições mais extremas, no calorzão ou em alguma balada para ver se segura bem a maquiagem. Mas como só fiquei com ele em casa, não pude reparar se fez a make durar muito mais do que o normal. Sobre o controle da oleosidade, achei que ajudou sim. Depois de 8 horas minha testa estava dando sinais de brilho, mas muito menos que o normal.

Entre todos os primers que já testei não consigo dizer que um é super melhor que o outro. Acho que todos dão um acabamento parecido, o que muda mesmo é a textura que deixa na pele: Smashbox, Clinique (sérum), Magix (acabamento de pó), Natura (creme).

O pré-maquiagem é um creme leve que absorve rápido, é incolor e está disponível por R$52.

Base
Segundo a empresa a base tem alta cobertura, efeito natural, é livre de óleo e tem tecnologia antissinais.

São oito opções de cores em embalagem de vidro com aplicador tipo “pump”.

Como estava com sete cores em mãos resolvi testar duas.

Nessa foto estou com a Bege Translúcido.

No geral eu gostei da base e penso que realmente não é oleosa. Inclusive, se você tem a pele seca aconselho usar um hidratante antes. Como apliquei logo após lavar o rosto, quando a pele fica mais seca, achei que ela marcou os vincos de expressão (principalmente o vinco que aparece quando a gente sorri). Mas ao longo do dia e com a oleosidade natural da pele, essa marca sumiu.

E nessa outra com a Bege-Claro

A cobertura é média, veja que ela não cobriu totalmente a manchinha vermelha de espinha no meu nariz, mas é bem leve e ao longo do dia meio que esqueci que estava com base no rosto.

Ela seca rápido e penso que é melhor aplicá-la com pincel. Primeiro em um pedaço do rosto espalhando bem e depois seguir para outra parte, se não você corre o risco de ficar com um acabamento manchado.  Na hora da aplicação ela fica meio “peguenta” no rosto, mas depois essa sensação some.

Seguindo a ordem da mais clara para a mais escura: Bege Translúcido, Bege-Claro, Bege-Rosado, Bege-Médio, Marrom-Claro, Marrom-Médio, Marrom-Escuro. Ficou faltando o Bege-Castanho (que vem antes do Marrom-Claro)

Comparando a cor da pele com a cor do livrinho: achei que elas se aproximam bastante, menos a Marrom Médio que é mais escura

Achei uma boa opção de base não oleosa e com cobertura média. O ruim mesmo é o preço: R$63,50.

Corretivo iluminador
A empresa promete tratar bolsas e olheiras com tecnologia antissinais, efeito iluminador e secagem rápida.

Este corretivo tem formato de caneta e para usá-lo você precisa girar algumas vezes a ponta do aplicador. Assim o líquido de dentro é liberado pelo pincelzinho e você pode aplicar nos pontos do rosto que achar melhor. Mas cuidado para não girar muito se não vai acabar com produto em excesso nas cerdas.

Quando li que ele era um “corretivo iluminador” fiquei com medinho que tivesse algum tipo de brilho no produto, mas nada disso, ele não tem brilho nenhum.

Na ordem: Escuro, Médio, Rosado e Claro comparados com as amostras da revistinha

Sem corretivo, CORRÃO

Com o corretivo Claro em um olho e Rosado no outro

A textura do corretivo é leve e seca rápido, só achei que não cobriu totalmente as olheiras. Ao longo do dia ele acumulou um pouco nessas linhas que tenho embaixo dos olhos, mas nada assim exagerado.

Para aplicar espalhei o corretivo com o próprio pincel do aplicador e depois dei leves batidinhas com o dedo. O corretivo iluminador está disponível em quatro cores por R$38.

*Os produtos que aparecem neste post foram gentilmente emprestados pela promotora Lorete Keune. Se você é de Curitiba e quer ser uma consultora Natura, é só falar com ela no telefone (41) 8874-3116 ou nos emails setorastrosol@gmail.com ou loretekeune@natura.net.

Nas Tags:

×