Coisas de Diva Coisas de Diva Coisas de Diva

Fazia tempo que estava com esse assunto na cabeça e ontem os astros conspiraram a favor para eu escrever esse post. Uns tempos atrás, postei uma foto no nosso Insta (sigam, é @coisasdediva!) mostrando umas unhas postiças autocolantes que estava experimentando. Rolaram alguns comentários que diziam mais ou menos a mesma coisa: “nossa, mas é tão artificial!”. E foi então que parei para pensar nessa questão.

unhas autocolantes

Eu de unhas postiças – e bem feliz!

Nascemos com unhas, cabelos, cílios, sobrancelhas… Viemos como tínhamos que vir, isso é fato – eu acredito, em especial, que até escolhemos como seremos antes de chegar ao mundo, mas isso é outra história que não cabe agora. Porém, a partir do momento em que viramos donas do nosso próprio corpo, tudo isso pode mudar. Se a unha não cresce, o cabelo não colabora ou os cílios são ralinhos, qual o problema em buscar soluções não-naturais?

Penso que, com as alternativas que temos hoje, mudar o que não agrada está cada vez mais simples. E tem mais: dá para experimentar e voltar atrás, caso a gente descubra que o resultado não aconteceu a contento. Não estou falando, claro, de cirurgias plásticas, por exemplo, porque essas, em grande parte, são irreversíveis. A conversa é sobre pequenos artifícios, como fazer uma micropigmentação nas sobrancelhas falhadas, vamos dizer.

Eu mesma já me aventurei em opções artificiais para uma ou outra questão. As unhas postiças que mencionei no começo do post representam bem isso. Colei, me senti bem e tirei quando quis. Se estavam parecendo de mentira ou não nem passou pela minha cabeça! Afinal, o objetivo não era que parecessem minhas. Eu só queria usá-las!

kefera

Kéfera, em sentido horário: cílios fio a fio, cílios naturais, unhas postiças e maquiagem poderosa

Costumo acompanhar o canal da Kéfera no Youtube e de vez em quando vejo suas redes sociais também. O que tem de gente “reclamando” que ela se maquia demais não está no gibi! Caramba, qual o problema de ela querer fazer uma maquiagem poderosa, colocar cílios postiços e ir gravar? O que isso impacta a vida de quem comenta? Nada, né!

Aliás, por causa dela tô pensando seriamente em fazer alongamento fio a fio nos cílios. Eu preciso? Não, curvex e rímel dão conta. Mas e a praticidade de ficar de cara lavada com aquelas pestanas maravilhosas? Por que não tentar? Sou super a favor de experimentar o que tiver vontade, sem neura alguma. Vai parecer fake? Vai, ué. Mas e daí?

PS: Com esse post, não estou incentivando que todo mundo deve combater suas características naturais. Pelo contrário, acho a auto-aceitação parte fundamental da vivência de cada uma. Mas uma mudança aqui ou outra lá não matam ninguém! Então, se conheçam, pensem bem e experimentem! A gente é livre para fazer o que bem entender.

Categorias
Compartilhe nas redes sociais
93 Comentários: Nos conte o que tem a dizer
Visualizar Comentários
Nos conte o que tem a dizer

Para usar avatar, cadastre-se com seu email em gravatar.com
O que nossas divas já nos disseram
  1. Heloisa Carvalho

    Falei sobre isso com minha mãe umas semanas atrás… Estava me maquiando para um casamento e ela estava olhando, daí ela solta:
    – Nossa, mas você tá artificial, pra que tanta coisa?
    e eu:
    – Mas e quem disse que eu tô querendo parecer natural???
    Acho que tudo vai de como estamos nos sentindo no dia! Naquele dia eu queria passar 3kg de base, fazer contorno, usar iluminador e 560 camadas de máscara nos cílios. Tava fake? Tava… Mas essa era a ideia. No dia que eu quero parecer natural eu não passo nada (ou quase nada).
    Acho super legal quando elogiam meus cílios e a surpresa das pessoas ao saber que eles são naturais, como também acho bem divertido quando enrolo meu cabelo e as pessoas dizem “nossa, você fica bem melhor assim, natural”, hahaha, se elas soubessem o trabalho que dá ficar cacheada… Acho que devemos amar nossas características naturais e saber que, quando quisermos, temos todo direito de ser “fake”.

    • Nayama Ferreira

      Essa sua última frase disse tudo Heloisa (Acho que devemos amar nossas características naturais e saber que, quando quisermos, temos todo direito de ser “fake”). Adoro esses posts da Thais, a gente se identifica muito!!

    • Keka

      Disse tudo… Até porque, quem não curte maquiagens, cabelos alisados/cacheados com produtos, melhor que não compre nada…
      Tudo que compramos tem prazo de validade. Há uns anos atrás eu usava pouca maquiagem, só o básico mesmo, pra não parecer artificial, e quando eu queria ir a alguma festa, as maquiagens estavam velhas/vencidas/com cheiro e textura ruim. Porque? Porque eu sequer usava, ficava meses sem usar uma sombra…
      Hoje, uso tudo, todos os dias, e ainda assim, as coisas levam meses para acabar. As famigeradas sombras, duram ANOS, mesmo se usadas todos os dias.
      Eu não quero parecer natural, quero parecer maquiada mesmo, cabelo feito, bem cuidado, unhas pintadas sim, de todas as cores possíveis.
      Não sou indígena nem naturalista (ainda assim, as indígenas se enfeitam, e muito tá??????)

  2. Danielle

    Eu acho engraçado que muitas vezes quem critica tem o cabelo alisado, pinta o cabelo…

  3. Isabela

    Excelente post. Viva da forma que se sentir mais bonita e confiante. Já está na hora da opnião alheia ir para o lixo.

  4. Juliana Gama

    Ótimo post, Thais! Todo mundo tem o direito de usar o que quiser pra se sentir melhor e mais bonita. Dane-se o que os outros vão pensar.

  5. Fernanda Gabriela

    Concordo, Thais! Essa coisa de parecer “fake” é uma opção de cada um e ponto final. O que importa é parecer BONITO. Tem gente que mete unha postiça, cílio postiço, bronzeado fake, 5 quilos de base e fica horrorosa ou pq não sabe usar, ou não tem o mínimo de cuidado nem noção do que faz consigo mesmo… Na minha opinião, valorizando a pessoa: vale tudo! Até produção drag pra trabalhar 7 da matina. 🙂 Não gosta: não faz. Até para ser feiosinha de vez em quando a gente é livre. HAHAHA bjssssss

  6. Carolina

    Interessante você falar sobre isso Thais.engraçado todo mundo se achar no direito de julgar alguém só porque publicou uma foto usando algo diferente ou uma maquiagem,corte de cabelo ou ate um passeio,é muita vontade de palpitar na vida alheia.Adoro o blog abraços

  7. Adorei seu post! Ainda ontem eu pensava sobre isso! Hoje em dia as pessoas acham que quem é cacheada TEM QUE assumir os cachos, que quem é negra NÃO PODE pintar cabelo de loiro e por aí vai. Eu sou a favor de a pessoa se sentir bem, então se quer alisar o cabelo, alise. Se quer pintar de loiro, pinte e por aí vai. Afinal, a gente tem que usar o que nos faz bem, temos que buscar a aparência que queremos ter. Bjs!

    • Keka

      Isso mesmo. Que pinte o cabelo de loiro, azul, verde… Cada um tem o seu próprio cabelo pra usar como quiser. Quer dar pitaco? Dê no seu próprio e me deixe com meu cabelão alisado até a cintura e vermelho acaju em paz!!!

    • Grasielle

      Tenho o cabelo loiro tingido mas não aquele que é bem claro, resolvi optar por um tom diferenciado que se ficasse melhor para minha pele, e simplesmente várias amigas (conhecidas), implicavam falavam que ficava laranja era feio e não estava na moda e me deixavam louca, até que um dia falei gosto do meu cabelo loiro/avermelhado/alaranjado meu estilo é esse! Até porque cada pessoa tem o direito de vestir-se e usar o que bem entender. AMEI O POST! Mais uma vez estão de parabéns, sempre gosto de ler os posts sobre reflexão…li um da Sá falando que não é porque esta solteira que não pode sair sozinha, tomei como exemplo e me libertei de certos preconceitos que ainda temos na sociedade. E sim uma mulher solteira pode ser feliz!

    • Samia, e essas discussões andam atormentando até as famosas, sabia? Já ouvi pessoas dizerem que se uma negra pinta o cabelo de loiro está querendo ser caucasiana, negando sua etnia. Peloamor, né? Cada um faz o que quiser, e tá dito! 😉

  8. Andrea Pugh

    Excelente reflexão. A Anitta foi hiper criticada quando operou o nariz e tipo, ela poderia nem ter dito nada pois hoje ninguém mais fala sobre isso.
    Meu cabelo é longo e eu sempre penso em alongamento. Toda vez que eu falo, alguém diz que já é longo. É sim, só que poderia ser maior e por que não ?
    Aqui em cwb onde vc tá pensando em fazer os cílios?

  9. lele

    Boa reflexão, acho que o exterior deve refletir o interior. E se meu interior quer ter cabelo azul que tenha e foda-se.

    Alguém sabe quanto custa um alongamento de cílios?

  10. Priscila

    Falou e disse!
    Se sentiu bem, gostou…dane-se os outros. Muitas vezes quem julga tem cabelo alisado, maquiagem definitiva, etc.

  11. Sacha

    Você é maravilhosa viu Thais, OTIMO POST. Amei com todas as minhas forças
    E qual o problema, não é? Grande parte dessas coisas nos fazem sentir tão bem, porque algumas pessoas tem prazer em nos colocar para baixo?
    Quanto ao cílio, FAÇA! Eu fiz (Rafaela, é no Shopping Muller), amei e só não fiz novamente por falta de capital (uma fase maldita entrou em minha vida).

    • Yay! Uma dica de profissional! Me conta: ela usou fios naturais um a um? Quanto tempo durou em você?

    • Amanda

      Eu faço há 3 meses e amoooooo! Faço manutenção todo mês. Uso rímel mesmo assim, mas só lavável, tem que tirar com papel higiênico embebido no demaquilante porque o algodão gruda… Rsrsrs
      E tem q ter muito cuidado para tirar qualquer maquiagem dos olhos, mas até agora está valendo a pena!

  12. Daiane Krause

    Ola! ontem mesmo fiz cilios fio a fio e achei maravilhoso estou me sentindo muito bem e mais linda tbm.

  13. Só acho que tudo isso prova que a gente tem mais é que ser feliz com o que se sentir bem..
    Unhas, cabelo, make…
    Se faz vc se sentir ainda mais diva, é o que vale…
    E se existem todas essas ‘facilidades’ pra gente conquistar unhas enoooooormes em 15 minutos, porque não se jogar?

    Assim como piercings (já ouvi barbaridades porque tenho alguns e isso incomoda as pessoas), que se vc enjoar ou não curtir depois de um tempo, é só tirar e pronto!

    Se as pessoas fossem mais preocupadas consigo mesmas, acho q não sobraria tanto tempo pra reparar (negativamente) nas pessoas….

    Faça os cílios sim… eu já fiz uma vez, e no começo é estranho (porque não dá pra dormir com a cara no travesseiro ou ir pra piscina, por exemplo), mas fica divo e baphônico…
    Só não fiz mais por causa de tempo ($$$$)…rs

  14. Heba Schehadeh

    É hipocrisia você criticar alguém só porque usa unha postiça. Seria a mesma coisa que criticar alguém que usa rímel ou qualquer artifício de maquiagem, uma vez que esses acessórios servem para mudar ou incrementar algo que não gostamos. Então Thais, sei que já faz isso mas, sempre faça o que tiver vontade e fod@-se quem achar ruim, afinal eles não pagam suas contas hahahahaha e lembre-se, haters gonna hate!

  15. Sylvia Aline

    Gente, vamos parar se ser hipócritas. até esmalte na unha é fake, nossa unha não é daquela cor. tintura, alisamento e até escova no cabelo também são. ninguém é natural com mechas loiras ou vermelhas, ou azuis… o importante é ser feliz e se sentir bem!

    • Patrícia

      Adorei: até esmalte na unha é fake! isso mesmo! Se for pra ficar como viemos ao mundo, pensa: índio, naturalistas! kkkkkkkkk
      O fato é que a falta de educação (pq acho q é isso, e não sinceridade) das pessoas cresceu enormemente com a facilidade de falar por aqui, sem ter que dizer pessoalmente… aí fica fácil e o povo ta virando uma monstruosidade de insatisfação, intolerância e desamor com o outro! Mais amor e mais liberdade! Vamos cuidadr cada um de nossas próprias vidas que quase não dá mais tempo pra nada! Bjs mil, garotas lindas do CDD

  16. ro

    O problema da Keféra era que ela era contra tudo isso, malhar na academia, produção e de repente ela começou a fazer tudo o que criticava, no começo ela foi ao médico e precisou tomar uma atitude urgente pelo bem da saúde, mas não parou mais, aí o povo que gostava dela como ela era, autêntica, não gosta de tanta futilidade e exageros.

    • Ana

      Mudar de opinião, não pode? A pessoa muda de opinião sobre um aspecto e para cobrar “autenticidade” eu vou lá e taco merda na pessoa. Sério mesmo? Aí eu pergunto, porque ao invés de acompanhar uma pessoa que no meu julgamento considero não ser autêntica o suficiente, não largo para lá e vou caçar o que fazer?

    • Lorenna

      “Eu prefiro ser essa metamorfose ambulante do que ter aquela velha opinião formada sobre tudo”.

    • Pollyana

      Ela cresceu, ficou mais velha e descobriu outros gostos.
      Aconteceu o mesmo comigo, no ensino médio eu era super desligada, tinha 1 par de brincos, ia pra aula de cara lavada, colocava um moletom, o uniforme e pronto, era um piá rsrs, quem me vê hoje em dia nem reconhece, saio de batom vermelho para trabalhar as 7 da manhã rsrs, a gente cresce e descobre outras coisas, outros gostos…

    • Exato, meninas! A Kéfera começou o canal dela com 17 anos. E o processo de descoberta dela mesma rolou junto! E tem mais: a gente pode mudar de opinião quando quiser! <3

  17. Gostei muito do post! Acredito que o problema está em quem não tem o que fazer e fica julgando as outras pessoas. Amo unhas postiças acho que fica lindo! Já fiz um permanente de cílios que ficou maravilhoso, já usei o cabelo liso e hoje estou com eles cacheados…ou seja se sentir bem é o principal e a opinião que seja guardada para si, nossa boca deve ser para encorajar e abençoar, mas muitos insistem em usar as suas bocas para colocar os outras para baixo!

  18. Ana

    Pois é… O que enche a paciência é o tal do: mulher TEM que ter unha grande e pintada, ou, mulher TEM que ter unha curta e sem pintar, sempre acompanhado de julgamento. Quem pinta julga quem não pinta e quem não pinta julga quem pinta. Replique isso para os cabelos, rosto, corpo, roupas, aparelho digestivo… Deem sossego, peloamor! Não quer, não gosta, não faz e deixe a colega em paz.

  19. Katia Yamate

    As pessoas deviam ser mais felizes e se preocupar mais com sua felicidade do que criticar a vida alheia. Acho que tudo que a pessoa faz para se sentir melhor/lmais saudável é válido.#maisamormenosrancor

  20. Acho que a gente deve se amar como somos, mas não podemos nos acomodar. Se não, o gordo não emagrece, por exemplo.
    Se podemos e queremos melhorar por que não? Afinal o que importa é sermos felizes.

    • Amanda

      Péssimo exemplo, hein colega. Às vezes o gordo não quer emagrecer, né?

    • Rosane Passos

      Realmente comodidade não é legal, mas pq todo mundo tem que ser magro? Pq a pessoa deve emagrecer? Que comentário preconceituoso.

  21. Blog Pras Meninas

    E ainda dá pra usar sutiã com bojo pra quem é despeitada (EUUUU!!!! – hahahaa) sem precisar fazer cirurgia e ficar fake e feliz com peitchos momentâneos. HAHAHHAHAHAHHAA

  22. Aline

    Post muito bom! Veio numa hora em que estou refletindo sobre as manifestações diárias que leio sobre “cabelo natural”. Liberte seus cachos, assuma seus cabelos… Aff… Parece que você sai de uma imposição (tenha cabelo liso) para outra (não alise o cabelo). Estou muito feliz com o meu cabelo alisado com produtos de qualidade e muito bem cuidado. Natural é aproveitar tudo o que temos disponível hoje para nos deixar sentindo mais bonitas e felizes – para nós mesmas, sempre em primeiro lugar.

    • Keka

      Isso aí!! (Hoje tô comentando muito, já é o terceiro comentário neste post).
      Até porque EU pago meu alisamento, na hora de pagar $$$$$$ ninguém se mete. então, me deixem com meus alisamentos em paz!

    • Exato, Aline! Não somos obrigadas a nada, né? Quer alisar? Alise! Quer cachos naturais? Mantenha! 🙂

  23. Marina G.

    Embora eu ache legal que as marcas invistam na tecnologia e design para deixar esse tipo de produto cada vez mais próximo das nossas unhas naturais, parecendo que apenas pintamos as unhas e não que colamos postiças, numa reflexão mais aprofundada (que só me veio na cabeça depois que li o post), me dei conta de que “que mal há em as unhas pareceram unhas postiças?”. Afinal, quando pintamos as unhas com esmalte, também é uma forma de “fake”. Não nascemos com as unhas vermelhas, verdes, azuis, com glitter!
    Até porque outros “fakes” eu acho lindo, tipo os cílios postiços, aplique ou me mega hair, então porque estranhar as unhas?
    A gente diz “como ficou lindo o alongamento de cílios”, ou “como ficou lindo o baby liss”, ou super deseja aquele batom roxo, então porque não elogiar as unhas postiças se estão bonitas?

  24. Arashi

    Muito bem colocado, Thaís!
    Chata demais essa patrulha! E outra: quem critica está fazendo o quê num blog de beleza? Não é só isso que vocês oferecem, lógico, mas vira e mexe vamos nos deparar com procedimentos e produtos que alteram alguma característica natural, certo? Isso não significa que a gente não se gosta!
    E como colocaram aí, tem horas que a gente quer sair montada, em outras com a cara e o cabelo de “realmente acordei assim”…
    Não tem muito a ver, mas quando vejo esse povo destilando veneno por aí, lembro deste vídeo da Jout Jout falando do Romero Britto: enquanto você está aí falando mal, odiando, ele está lá, rico, vendendo quadros pra famosos e tirando foto com o Obama! Kkkkk
    http://youtu.be/Otlg9se61bQ

  25. Lorenna

    AMEI O POST <3

    Eu também sofro com isso, afinal não é fácil ser feminista e siliconada!

  26. Sonho com o dia em que as pessoas vão entender que o outro faz o que bem entender porque a vida é dele e ninguém tem nada com isso HAHAHAHAHA! Não entendo o porque “o diferente” causa tanto impacto a ponto de as pessoas não aceitarem. O importante é estar feliz, não importa o que os outros pensem <3 http://simsemfrescura.blogspot.com.br/

  27. Cris

    Pra mim cada um faz o que quer com o próprio corpo, com a própria vida.. afinal de contas quem lava suas calcinhas, e paga suas contas, e você aff..

  28. Rox

    É isso aí!
    Saio toda glamourosa em plena luz do dia, no calor do caralho, o cabelo tem progressiva e o olho verde foi comprado, fooooooooooda-se o que pensarem! Me sinto linda e maravilhosa assim! HAHAHA

    • Daniela Cristina

      Adorei seu comentário! 😉 Isso aí: do ré mi fo da se

  29. Sou ruiva tingida e na busca de informações a respeito o que já vi na internet de gente falando que “tom X de ruivo combina com pele X, senão fica artificial” ou “quem tem cabelo ruivo acobreado tem que tingir a sobrancelha se ela for muito preta”… Eu até acho que fico melhor com a sobrancelha tingida, mas chega uma hora que cresce tudo natural de novo e NÃO ESTOU NEM AÍ. Gosto da raiz em dia bem ruivinha, mas tem vezes que estou com um dedo de raiz preta e adio o retoque simplesmente porque não sou obrigada. Alguns dirão “ah, mas não é nem uma questão de ser natural ou não, é relaxo, é feio”. Aí eu pergunto: por que a gente se preocupa tando se o outro tá feio ou não? É permitido ter opinião, é permitido achar algo ridículo, mas eu quero ser ~ridícula~ em paz.

    • Sylvia Aline

      essas imposições são um saco

  30. Isa

    Ninguém é obrigado a gostar de coisas artificiais, assim como a pessoa que gosta não é obrigada a desgostar. Gosto é gosto. Tem coisas que acho ridículas para o meu gosto, mas fico na minha e, se ninguém pediu a opinião, guardo-a para mim. Eu sou do time do gosto por coisas mais naturais possíveis. Tanto que quando pinto a unha de cores muito contrastantes me sinto mal, por exemplo. Mas isso é meu gosto. As pessoas apenas tem que aprender a GUARDAR SUA OPINIÕES NÃO SOLICITADAS PARA SI. E fim.

  31. Cris

    ??ninguém tem nada com isso, a vida é minha e dela faço o que eu ?quiser ?.

  32. Claudia Ribeiro

    Gostaria de propor um outro ângulo para ampliar a discussão. Uma coisa é fazer uma “crítica negativa” num perfil pessoal, outra bem diferente é fazer essa mesma crítica num perfil profissional, cujo o escopo é a beleza. Pode parecer boba, mas existe uma grande diferença. Como profissionais devemos estar aptos a lidar com essas situações. Se vc vai ao restaurante e não ficar satisfeita, um toque discreto e sutil são muito melhores, além de mais uteis, à difamação do estabelecimento. Ao q me parece nem foi isso q aconteceu. Percebi q a intenção da Thaís é ampliar esse conceito de “use o que te faz feliz”, que eu adoro por sinal, para a vida real, de pessoas físicas, mas a condução não me agradou. Nem discuto o mérito de gostar ou não das unhas, afinal todos tem o seu “gosto”. Entretanto, lidar com opiniões diferentes faz parte do cotidiano. Acho q sinceramente antes de querer q os outros não expressem suas opiniões, devemos estar ciente e convictas da nossa, pq daí sim, podem falar o q quiserem q sempre nos sentiremos e estaremos lindas!!!

    • tata

      perfeitas suas colocações. exatamente o que penso. =)

    • Julie

      Parabéns pelo comentário! Sensato e educado!

    • Aline Prado

      Concordo, Cláudia. Acho que discordar de algum post ou dizer que não gostou de um produto também é uma forma legítima de nos expressarmos por aqui. Como o blog é público e voltado a formar opinião, acho que isso de “mas ninguém te chamou aqui” ou “ninguém pediu sua opinião”ou “vai procurar o que fazer” como algumas leitoras colocaram não se aplicam bem ao contexto. Use o que te faz feliz, mas se não gostei também estou no direito de me expressar. Você delineou perfeitamente a situação, muito bom.

    • Cintia Lima

      Claudia,
      concordo totalmente com suas colocações. Estava lendo o post e os comentários, e pensando em como poderia escrever o que vc escreveu sem causar.
      Parabéns!! 🙂

    • Patrícia

      ta certinha, acho super válido as “dicas e toques” sutis como no caso da comida ruim de um restaurante. O que eu acho q não pode, ou não deve, é criticar, muitas vezes grosseiramente seja lá o que for que a pessoa optou por usar (liberdade!), principalmente pq se ela mostra, é pq gostou, certo? Se vc não gosta, não fala nada, não importa que o blog as transforma em pessoas públicas. Bom, sem ofensas, tá? Eu penso assim…

    • Camilla

      Também não vejo problemas em dizer ou mencionar que não gostou de algo…
      Afinal, a área de comentários são para escrever comentários…sejam eles concordando ou discordando da matéria / foto / etc…que devem ser educados e de bom senso, isso já deveria estar subentendido.
      Na maioria das vezes, quando discordo de algo nem comento…mas o dia que eu quiser comentar, acho que tudo bem, não?

      Na minha opnião, alguns dos comentários como “que saco, vai cuidar da sua vida! ela usa o que quer!” são tão críticos e mal educados quanto o que gerou aquele.

    • Meninas, não percam o foco. Esse post não é para eu lamuriar sobre as opiniões alheias – aliás, as recebo todo dia, umas de maneira grosseira, realmente, e outras que são apenas opiniões. A motivação do texto foi pensar sobre como o fake é visto pelas pessoas. Eu, por exemplo, vejo como um artifício que não necessariamente precisa me deixar natural, entendem? Apenas isso. Relaxem!

  33. tata

    ai gente, de boa… a internet ta ficando chata. nao se pode falar mais nada, tudo ofende. sou totalmente contra ofender, xingar, mas a partir do momento que a pessoa se propoe a trabalhar com publico e a mostrar produtos, é normal que as pessoas deem opiniao sobre aquele produto e o uso dele. blog já deixou de ser uma coisa pessoal e virou profissao ha muito tempo. empresas não so contratam como enviam produtos pra serem testados. quem nao quer opiniao ou so quer receber elogio, nao trabalha com publico, mostra so pra amigos. enfim, espero que minha opinião não ofenda.

    • Tata, peço que não confunda as coisas, ninguém está reclamando de nada aqui. Foi só eu dar o infeliz exemplo das unhas que está todo mundo achando que esse post é para desabafar meus lamentos em relação às opiniões alheias – e não é isso! Tô bem de boa. 🙂

  34. Giovanna

    Gostei muito do post!!
    Isso de parece fake, e opção de cada um.E ninguém e obrigado a gosta de coisas artificiais, e também não tem o direito de critica que usar unha postiça, que pinta o cabelo etc Eu não vejo nenhum problema em usar unha postiça e fazer uma maquiagem mais produzida 🙂

  35. Carol

    realmente a keh fica lindaa..
    mas preciso confessar que EU acho que tem pessoas que exageram..
    aquelas que o cabelo é aplique, os cilios, as unhas, o bronzeamento, tipo, NADA é natural. se tirar tudo fica irreconhecível!!

  36. O engraçado é que de fazer depilação ninguém reclama: fica sem depilar o buço, as axilas ou sem fazer a sobrancelha, por exemplo… aí ninguém acha ruim ser artificial!

  37. Márcia Daniella

    Lá no IG tá cheio de gente que perdeu a noção da gentileza, cortesia e empatia. Lamentável. Pessoas que dão opiniões totalmente desnecessárias e depreciativas só podem estar doentes de alma e coração. Aprendi uma coisa com minhas avós: nunca magoe alguém gratuitamente. Se não pode elogiar, guarde pra si o que não tem de bom a dizer.

  38. Larissa Moema

    Também sou a favor de mudanças, mas desde que as mesmas fiquem o mais próximo do natural possível. Também uso unhas postiças quando tenho vontade e tenho um aplique de TIC TAC pro cabelo, mas eu equilibro bem o fato de mudar um pouco mas procurando sempre ficar mais perto do real possível. Bom, é assim que penso. Amo o blog e nunca comento, mas hoje decidi dar minha opinião pq elas divergem e isso é que enriquece o blog. Bjos, vcs são top!

  39. Bruna

    Ótimo texto! Morro de preguiça desse povo que caça defeito em tudo e faz questão de externar isso de um modo muito mesquinho.
    Teoricamente, somos donas dos nossos corpos mas é tanta gente cagando regra que parecemos obrigadas a fazermos as coisas pra agradar os demais, como se fossemos incapazes de fazer algo por nós mesmas.
    Se quiser usar unhas postiças, cílios postiços, cabelo postiço, use e seja muito feliz.

  40. Bruna

    (Acredito que ficou aspecto mais artificial porque sua unha é quadrada na raiz. A minhas são redondas e fica tão natural que as pessoas não acreditam que é colada.)

  41. Larissa Z*

    Julgar faz parte do ser humano. Não existe alguém que não pense no outro e maquine determinado comentário. Seja: ‘nossa como fulana engordou’ ou ‘caramba como ela está bonita’. Ambos são julgamentos, e qdo tornamos nossa vida pública via blogs ou redes sociais isso se agrava. É mais fácil a pessoa ignorar um comentário ou não deixa-lo afetá-la do que as demais deixarem de julgar.

    A partir do momento que a pessoa faz um post de publicidade, as demais vão julgar com td o direito. Afinal a intenção da marca é, não apenas divulgar aquele produto, mas tb ver a aceitação do público alvo. Os jabás não são apenas agradinhos às blogueiras. O fato de mtas mulheres terem dito que a unha postiça ficou artificial pode levar a marca a confeccionar unhas mais naturais, que agradem a mais gente. E os comentários sobre a unha estar artificial podem significar que vc usando td bem pois vc se sente bem, mas por ter ficado artificial a pessoa não usaria pois não acha legal em si mesma.

    • Larissa, o post não tem a ver com aquelas unhas e nem com os comentários feitos a respeito delas, entenda. Aliás, a foto no Insta nem era publicidade. O intuito é de refletir sobre parecer natural com itens fake, que nem sempre é o alvo quando usamos uma coisa ou outra, sabe?

  42. Carol

    (socorro, ja cliquei mil vezes pra parar de receber email quando tiver novo comentario no post, e nao para! Hahahaha to sofrendo, agm ajuda)

  43. Mazinha

    Adorei o post. Cada um faz o que quer e pronto! A vida é uma só… Muita gente recalcada no mundo 🙂

  44. Polyana

    O tema do blog diz tudo “use o que te faz feliz”. E daí que parece fake? Você ta feliz com sua escolha? É o que importa 😉
    Belo post, Thais 😉

  45. Gabriela Ronchi Salomon

    Se for assim, passar máscara de cílios, batom, fazer escova, é tudo fake! Vá na festa ao natural, sem ser fake, porque né… nem preciso comentar o quanto as mulheres se maquiam para os eventos que ocorrem. A pessoa usa o que, quando, e onde quiser. Se eu quero colocar cílios postiços para ir trabalhar e ficar fake pode ter certeza que outras pessoas podem gostar 😉 heheh
    Belo post, Thais.

  46. Maria Carolina

    Eu não acompanhei os comentários no Instagram e posso estar por fora por conta disso, pq eu não sei se houve algum veneninho ou ironia (eu me lembro de uma época que havia comentários bastante ofensivos e sem noção aqui no blog). Mas, a princípio, não consegui relacionar que o comentário sobre o produto (unha postiça) representou uma ofensa à pessoa ou mesmo que significou que “é feio usar coisas artificiais”. Sério mesmo.
    Afinal, existem unhas postiças de vários tipos, de vários materiais e umas ficam mais naturais que as outras. Assim como o cílio fio a fio fica muito mais natural que o próprio cílio postiço, a depender do modelo. A empresa que fabrica tb tem interesse no nosso feedback (potenciais consumidoras) e é por isso que ela envia os produtos aos blogs.
    Eu achei válida a proposta da discussão, pois de fato, devemos usar o que a gente bem entende e não se meter na vida alheia, mas também refleti se não estamos levando tudo a ferro e fogo hoje em dia…

    • Nem uma coisa nem outra, Maria! Não me ofendi e não interpretei os comentários como “é feio usar coisas artificiais”. Parei para pensar na questão como um todo. Lógico que existem coisas que ficam mais naturais do que outras, mas o grande ponto é: a gente quer que pareça natural? Às vezes não estamos nem ligando, saca? Só isso mesmo!

    • Maria Carolina

      😉 Entendi, Thais! Obrigada pelos esclarecimentos!

  47. Parabéns pelo post! Cada um tem o direito de ser quem quiser ser, desde que não incomode os outros! O problema não é sua unha fake e nem a maquiagem da menina, o problema é da pessoa que, provavelmente, passa o dia achando defeitos nos outros pra não ter que conviver com os próprios!
    Beijos!

  48. Miriã Andrade

    Adorei o post e super concordo com tudo, adoro um cílios também, acho lindo e me sinto bem, é isso que importa! 😉

  49. Bruna Lima

    Cada um usa o que quer, se veste, se pinta, muda cabelo, liberdade !! Se vc não gosta de unhas postiças, cabelo alisado, tingido, cílios postiços, etc etc etc, é muito fácil: Vc não usa !!! Quem gosta usa. Pronto, acabou, simples assim. Não sei pq ainda as pessoas complicam coisas tão simples.

  50. Julie

    Esse tipo de post está cada vez mais frequente aqui no blog! Parece que virou proibido discordar! Talvez não seja esse o foco que a Thais quis dar, mas é o que fica parecendo.
    Repudio com todas as forças comentários mal educados e grosseiros, sem dúvida são desnecessários, porém o comentário de que parece fake se encaixa nisso?
    “Use o que te faz feliz” gosto mto tb deste conceito aqui do blog, mas o post pareceu uma contradição! Talvez para muitas (não é meu caso!) usar unha postiça não se encaixa nisso, no “uso que me faz feliz”… simples assim!
    É muito melindre!
    Vamos descomplicar, por favor!

    • Ninguém está complicando nada por aqui, Julie. O post foi um pensamento meu que não teve a ver com nenhum comentário em específico. Tanto é que se passaram semanas até eu escrever. Ficou na minha cabeça e achei uma conversa válida, só isso. Não entenda como uma reclamação, e sim como uma reflexão. Beijos!

  51. Ma SP

    Oi Thais! Sou uma que não gosta dessas unhas postiças porque fica artificial demais, muito mais bonito uma unha natural mesmo que esteja “cotoca” que essas. Não é porque não gosto de unhas artificiais que não gosto de cílios postiços e outros artifícios. São coisas artificiais que ficam bonitas, já essas unhas, desculpe te dizer, mas acho muito feias justamente por serem artificiais demais, dá para ver de longe. Chega a me dar aflição, bem como aquelas unhas postiças gigantes. Mas se te deixa feliz, use e pronto! Beijos

  52. Mariana

    Os melhores comentários são aqueles “ahh fulana, eu não gosto disso, acho feio…mas se vc gosta, então use” HAHAHAHAHA. Alguém perguntou? Não.
    Eu adoo me maquiar assim como tem dias em que eu não estou a fim de muita produção (são raros, mas enfim). Meu namorado me prefere de cara limpa, mas no fundo eu sei que fico mais bonita maquiada.
    Tenho silicone, lipo, alongamento de cílios, botox preventivo, escova progressiva e nada disso me faz parecer fake. Pra mim parece tudo muito natural (eu me sinto assim pelo menos e é o que importa) e me sinto muito mais bonita. Eu já fui de julgar os outros, hoje em dia parei com isso. Admiro o gosto de cada um (embora muitas vezes não sirva pra mim), mas acho que a maturidade me trouxe isso de respeitar o gosto do próximo e cuidar do meu próprio nariz. As pessoas deveriam fazer mais isso. Duvido que metade das “sem noção”teria coragem de falar na cara de alguém o que falam pelas redes sociais. Pois é, estar por trás de um celular ou computador é fácil…

    • Ma SP

      Digo o mesmo para você Mariana, você falaria isso que escreveu no cmentário: Duvido que metade das “sem noção”teria coragem de falar na cara de alguém o que falam pelas redes sociais. Pois é, estar por trás de um celular ou computador é fácil… Uma pessoa que comenta até o que o namorado gosta e que tem silicone vai reclamar do comentário dos outros. Seja mais simpática com as pessoas. Uma coisa é falar mal outra dar opinião sobre um assunto. Sim, alguém perguntou, as meninas do blog pedem para deixar a opinião nos comentários para ajudar. Adoro a Thais, acho ela é show, uma mulher nota 1000, mas realmente acho feio essa unha, e acho de verdade o que escrevi, se a pessoa está feliz, que use. Apoio totalmente a campanha do Coisas de Diva. Olha já falei com educação para amigas que o cabelo estava loiro demais e que a unha postiça estava esquisita. É a maneira como você fala e não o que fala. Como diz o ditado: gentileza gera gentileza. Abraços

  53. Mariana

    Esqueci de complementar que a exposição nas redes sociais é uma coisa complicada. Infelizmente as blogueiras de beleza e moda tem que lidar melhor com a questão. Sempre vai aparecer alguém criticando ou falando algo não muito agradável. Mas a partir do momento em que alguém posta uma foto já dá margem para o outro PENSAR o que quiser, agora falar tudo o que vem na cabeça é muito indelicado. Existem jeitos e jeitos de falar algo. Eu acompanho vários IG’s e penso muita coisa, mas jamais fiz qualquer crítica a alguém. Guardo para mim o que não vai acrescentar nada na vida do outro.

  54. Eu não entendo bem a necessidade das pessoas sempre julgarem a aparência alheia, quer dizer, achar algo a gente sempre acha, mas precisa dizer? A não ser que tenham perguntado a minha opinião, eu prefiro não dizer nada. Se quero usar unha postiça, lente colorida, peruca, alongamento de cílios ou cara limpa, problema meu, só é importante se sentir linda e diva sempre.
    http://www.issoaquiloetal.wordpress.com

  55. Vanessa

    Nada demais lançar mão de artifícios para corrigir aquilo que nos incomoda. O único problema (acho eu) é quando a pessoa vira uma Angela Bismark da vida e quer trocar até de cabeça, daí acho que o resultado fica meio bizarro.

  56. Nathalia

    Moro na Alemanha, e aqui as mulheres, inclusives migrantes russas viven totalmente Fake (sobrancelhas, unhas, cílios, cabelos, peitos e assim vai)…..e daí? EU aderi á unha e cílios fakes e quer saber? me acho mais bela que antes, mas nao deixei de admirar a unha bem feita naturalmente pelas manicures brasileiras.

AULA MAQUIAGEM!!!