Coisas de Diva Coisas de Diva Coisas de Diva

Aqui no CDD, promessa feita é promessa cumprida! Por isso, aqui está o meu super guia de compras em Roma que vocês tanto pediram. Decidi fazer num formato diferente: enquanto mostro as aquisições feitas por lá, também conto dos lugares legais para comprar presentes e coisinhas para si.

Antes de começar, acho importante comentar que Roma não é, necessariamente, uma cidade pra quem quer gastar loucamente. Como mostrei antes, ela tem uma proposta cultural e gastronômica mais forte. Porém – claro – existem sim lojas dos mais variados tipos que podem atrair os visitantes.

Confesso que um dos pontos que me desmotivou foi o valor do euro, caríssimo! Se gostava de alguma coisa, pensava primeiro: 1) vou achar algo assim no Brasil? e 2) quanto isso custa em reais? Dizem que quem converte não se diverte, mas uso essa máxima para outras coisas, não para compras! Prefiro avaliar bem antes de gastar.

Bom, vamos lá:

Alimentos e itens para a casa

guia de compras em roma

Fiquei com vontade de trazer um carregamento de vinhos, antepastos, massas… Porém, como a alfândega é chata com bebidas e alimentos, me deu medinho e não comprei muita coisa. Aí não estão os milhões de chocolates que comprei, mas esses dá para achar facilmente em supermercados – especialmente Kinder, Nutella e Ferrero.

Sabem o Eataly, que tem em São Paulo agora? Lá em Roma também tem um. E é enorme e sensacional! Fui com a minha mãe e ficamos pirando nos quatro andares de restaurantes e seções de vinhos, massas, carnes, utensílios de cozinha e até cosméticos! Tudo o que é vendido na super loja precisa ser legitimamente italiano.

Segurei a compulsão e trouxe para casa apenas algumas coisas. Na seção de massas, escolhi um pacote de pasta em formato de estrelinha e lua (1) – sim, é pra crianças, mas eu ainda sou uma, só que crescida, hahahaha – e outro de farfalle, nosso famoso macarrão gravatinha, com tomate e manjericão na massa (foto dele pronto aqui).

Tinha uns guardanapos lindos pra vender lá e arrematei um pacotinho (2) na esperança de um dia eu ter uma mesa de jantar pra arrumar para os convidados. Também comprei a coisa mais deliciosa já inventada no universo: Amaretti Virginia (3)! É uma bolachinha macia com amêndoas. Sabem marzipã? Tem o mesmo gosto. <3 Fora que vem nessa latinha vintage que é a coisa mais linda pra decorar a casa depois.

Botei na cabeça que queria comprar pistaches (4) e achei um pacote no supermercado. Não sai mais barato que no Brasil não, foi só invencionice minha mesmo, hahahaha! Os itens 5 e 6 são uns grampos para fechar pacotes que minha mãe comprou pra mim na Tiger, uma loja com coisas para casa que vende bem baratinho. Acho que os de coração vão servir para algum propósito decorativo, porque são muito lindos!

Cosméticos e maquiagens

guia de compras em roma

Capaz que eu ia voltar para casa sem nenhum cosmético ou maquiagem pra contar história, né? Lá em Roma, tem muitas lojas Sephora espalhadas pela cidade. Elas não são super grandes, mas são bem divididas e contam com as grandes marcas. Minhas compras fiz na Sephora do shopping Porta di Roma, que é mais afastado do centro, porém concentra várias lojas num só lugar – expliquei melhor sobre isso aqui.

Como achei a maior parte dos itens vendidos caros na conversão euro/real, optei por comprar coisas da marca própria, Sephora Collection, que é boa e tem vários produtos inusitados. Adquiri um disco de esfoliação facial (1), um massageador anti-celulite (2), aquele treco de ~lash art que eu falei que queria (3), um rímel 3 em 1 que parece uma pinça com dois aplicadores (4), um apontador com buracos regular e grande (5) e um curvex térmico (6). Tudo bem diferentão, né? Me contem depois qual resenha querem ver primeiro (os preços estão nos links, ok?).

Lá no Termini, o terminal de trens de Roma, tem uma loja chamada Coin, onde são vendidas roupas, acessórios e cosméticos. Comprei por lá esse sabonete líquido (7) da marca Perlier por motivos de: coisa mais cheirosa do universo. Apesar do nome Thai, ele é feito na Itália e tem aroma de coco. Foi 4,90 euros. No supermercado do Porta di Roma, além de mil chocolates, adquiri também esse rímel (8) da Maybelline, que é um Colossal Go Extreme! – promete muito mais volume aos cílios. Olhem aqui a área de maquiagem que flagrei dentro do mercado!

Roupas e acessórios

Aqui, vale dizer: a maior parte das lojas de roupas e acessórios em Roma fica espalhada pelas ruas. Para quem deseja proximidade entre uma e outra, o melhor é ir para a Via Condotti e a Via del Corso. Na primeira, estão as marcas ricas, tipo Prada, Gucci, Miu Miu… Na segunda, dá para encontrar Zara, H&M e Mango, entre outras.

No verão, a maior parte das lojas está em promoção, porém, fica tudo uma bagunça e é meio chato encontrar coisas realmente legais. De qualquer forma, fiz a festa em algumas delas com os precinhos camaradas!

guia de compras em roma

Depois que tirei as fotos para esse post, percebi que tem umas compras feitas em outros lugares também (falha nossa). É o caso das meias (1) e do anel (2), que comprei na Accessorize da estação de trem de Pádua. Estava tudo em promoção e paguei baratinho: 2,75 euros nas meias e 7,95 euros no anel, que é de uma linha bem legal que promete não escurecer com o tempo por causa de um tratamento especial – veremos!

Sobre a Zara: fiquei imaginando que na Europa fosse muito mais legal que no Brasil, cheia de coisas que ainda não chegaram aqui a preços ótimos. Bom, é mais ou menos isso. Entrei em várias mas, com o período de liquidação, fica do mesmo jeitinho que em terras tupiniquins – tudo empilhado e caótico. Consegui arrematar essas duas camisetas na loja do Porta di Roma. A 3 custou 9,99 euros e a 4 saiu por 5,99 euros. Detalhe: vi pra vender aqui e a última está R$ 49,90!

guia de compras em roma

As duas camisas também foram compradas na loja do shopping. A 1 custou 25,99 euros e a 2 foi 17,99 euros. Amei essa estampa de passarinhos com golinha arredondada! E também curti a malha da segunda, bem gostosa. Fora que tem manga 3/4 com possibilidade de dobrar e prender, o que adoro.

guia de compras em roma

Encasquetei que precisava voltar pra casa com um bom casaco de inverno (3). Procurei feito louca e não achava nenhum bacana em promoção! Até que, na minha cartada final na Zara da Via del Corso (são duas, essa é a número 189 e é maior, de quatro andares), encontrei o que tanto queria! Esse casacão tem tecido bom, vestiu bem e saiu por 59,99 euros. No Brasil, acho que por menos de R$ 500,00 não encontraria. Ótimo negócio!

guia de compras em roma

Mas nem só de Zara vive Roma. A prova é esse moletom (1) fofo da Mango que comprei na Coin por 12,99 euros. Falando na marca, achei a loja própria bacana, mas com preços muito altos na conversão. A Benetton, que tem uma unidade no Termini, estava toda em promoção, para minha felicidade. Comprei dois cardigãs (2) da lã mais macia que já vi, um azul marinho e outro branco. Cada um saiu por 19,98 euros.

Lembranças e suvenires

guia de compras em roma

Não sou a maior fã de comprar suvenires para mim em viagens, por isso estou sempre em busca de outras coisas que possam representar o que vivi. Como estou de casa nova, não resisti e trouxe muitas aquarelas e postais decorativos.

Em Florença, comprei duas pinturas botânicas (1) feitas à mão por artistas de rua. Por lá, também encontrei uma papelaria linda chamada Signum. Como a Toscana é a terra da história do Pinóquio, comprei um cartão postal (2). Em Veneza, foi a mesma coisa: encontrei uma papelaria chamada Il Papiro e escolhi outro cartão postal (3). Em Roma, comprei de um pintor um quadrinho (4) que mostra uma das ruas da cidade. E, em Pádua, não pude voltar pra casa sem um santinho (5) do Santo Antonio, do qual eu sou devota!

guia de compras em roma

Pronto, agora a última leva de compras! Em Florença, na mesma papelaria que citei aqui em cima, comprei dois caderninhos (1) lindos – gosto de colecionar algum vindo de toda viagem que faço! Também arrematei esse pacotinho com 6 adesivos de balão (2), que usei em presentes. Em Florença e Pádua, encontrei ímãs de geladeira (3) super bonitos, feitos na Europa mesmo – não é brincadeira o que tem de suvenires made in China, hahahaha! São da marca Fusart. Falando em Pádua, da Accessorize de lá vieram esses adesivos de flamingos (4), que me saíram a 1,95 euro. E, de Roma, trouxe um chaveiro de lambretinha (5) que custou um mísero euro.

Caraca, que post enorme! Mas espero que tenham gostado das dicas de lojas e das comprinhas. Qualquer dúvida, é só perguntar nos comentários!

Categorias
Compartilhe nas redes sociais
39 Comentários: Nos conte o que tem a dizer
Visualizar Comentários
Nos conte o que tem a dizer

Para usar avatar, cadastre-se com seu email em gravatar.com
O que nossas divas já nos disseram
  1. Fernanda Gabriela

    Adorei a sua maturidade para compras. Poucas coisas e coisas realmente legais, úteis e com um preço justo. Europa tem que rolar uma lavagem cerebral mos impulsos mesmo. Nunca fui, mas vejo muitas pessoas comentando… tem que converter mesmo, senão passa o resto do ano sem comprar nada. :/
    Adorei o post. Ficou grande, mas gostoso de ler.

  2. gleika bernardo

    adoreii ve sua fora de pensar..em que nao devemos sair comprando tudo que vemos pela frente..acredito que vale na viagem eh curtir o momento..comprar eh bom..mas, a viagem nao deve resumir apenas isto..compra fazemos ate pela internet…

  3. Achei suas compras muito boas! Difícil pensar assim quando se viaja né? Mas é super necessário, adorei =) http://simsemfrescura.blogspot.com.br/

  4. Mah

    Nunca fui à Europa, mas pesquiso sempre os preços na Zara, HM e Mango por curiosidade (e porque gosto do estilo).
    Não concordo com quem diz que zara no Brasil é CARÍSSIMA e na Europa é loja de pobre. (a não ser que seja para os pobres de lá, haha).
    Mesmo numa conversão ~justa do Euro, cerca de 3/3,5, acho a Zara bem cara lá também.
    Mas uma coisa que os gringos de qualquer lugar fazem bem melhor do que aqui são as liquidações. Os descontos são de verdade e valem muito a pena.
    Ei de pegar Europa em promo um dia rsrsrs

    Comprei vários casacos numa viagem ano passado, e ainda estou esperando para usar… Cadê inverno? =O
    (moro em Maringá, e aqui até faz frio, mas esse ano ele não veio ainda e creio que nem virá)

    • Concordo com você, não é tão barato não! Mas em promo, minha filha… Ah, que sucesso! hahahaha

    • Sylvia Aline

      o Euro tá um pouquinho mais alto, 3,91

  5. ana

    Ciao 🙂

    bem legal o post..e para homens indico Piazza Italia e Alcott, duas marcas italianas beeeeeeem baratinhas!!

  6. Polyana

    Muito bom o post, Thais. Difícil se controlar nas compras numa viagem. A gente passeia o dia inteiro, aproveita bastante e quer comprar tudo o que vê pela frente. Se não tivermos cuidado, compramos coisas mais caras que compraríamos aqui e até coisas inúteis , que compramos só “no embalo” 😐 quando viajo, também opto por escolhas práticas e que realmente valham à pena 🙂

  7. Márcia Daniella

    Ótimas compras, Thaís. E super te entendo com relação a analisar se teria ou não o produto aqui antes de investir seus euros. Eu faria o mesmo 😀 Quanto a resenha, eu amaria se vc fizesse logo do trequinho de lash art. To curiosona 😀

  8. Rafaela Parente

    Thais adorei a matéria!! Uma dica, esse disco de silicone pra esfoliar o Rosto vende na Daiso da Rua Direita, aqui em Sampa. Então se você quiser mais ou alguma amiga sua… rsrsrsrsrsrsr

  9. Priscila

    Gostei muito das tranqueiras de papelaria!! Adoro adesivos, chaveirinhos, etc.

  10. Francielle

    O melhor país para se comprar roupas na Europa é Portugal… na Itália as mesmas marcas vendidas em Portugal são bem mais caras…

  11. Marina G.

    Amei o post, em especial as compras “de comer”! Adorei a latinha dos biscoitos Amaretti Virginia! Que vontade de provar!
    Quando puder, faz resenha do disco de esfoliação facial, fiquei bem curiosa!

  12. Pollyana

    Adorei o macarrão de estrelas rsrs, esses dias encontrei sopa de letrinha para vender no Mercadorama da Comendador, comprei, fiz e ficou uma delícia, gostinho de infância 😀

  13. caroline viana

    muito fofas! amei as camisas, a meia, as lembrancinhas… fiquei curiosa com o curvex térmico!

  14. Juliana

    Thaís, tô simplesmente apaixonada pela sua camisa de passarinhos com golinha fofa! É um amor essa camisa! 🙂

    • Fofa demais, né? Tão me dizendo que com ela eu fico parecendo a Velma, do Scooby-Doo! hahahahaha

  15. Roberta Martins

    Olá Thais,como vai?
    Ah,está tudo tão caro que desanima comprar…
    Porém,em ocasiões especiais como viagens,creio que compensa adquirir o que gosta e/ou
    precisa muito e converter os valores é preciso e refletir bastante pra não se arrepen-
    der depois.
    Beijos,
    Roberta.

  16. Izabel

    Ótimas compras e dicas! Vou guardar para quando voltar lá!

  17. Miriã Andrade

    Suas comprinhas foram ótimas, Thais! Mas a seleção de roupas e acessórios você mandou bem demais, haha, adorei! 😉

  18. Acho que não vale converter com comida, passeios e coisas muito incríveis que não se acha no Brasil. Do resto eu converto também, não vale nada comprar algo que consigo aqui também e mais barato. Gostei das suas compras, Thais, bem consientes.
    http://www.issoaquiloetal.wordpress.com

  19. Ro Betussi

    Aí Thais maturidade acima de qualquer suspeita hahaha vc é uma linda!
    Te amo bjos

  20. Denise

    Esta latinha vintage é a coisa mais bonitinha do mundo !!!
    Depois de saber que é um biscoitinho com amêndoa fiquei morrendo de vontade de comprar no mercado da esquina. Pena que existe um oceano nos separando…rs
    bjs

    • hahahahaha, já tô morrendo de saudades delas! Quero um caminhão!

  21. Gabriela Ronchi Salomon

    Post ótimo!! Adorei suas compras, Thais 😀

  22. Heloisa Carvalho

    Suas compras foram bem contidas, mas muito lindas! Às vezes não compensa mesmo vir entulhada de coisas que acabam ficando no canto…

  23. Renata

    amei suas compras! Converter é fundamental! O mesmo vale para os EUA!! A gente se empolga e sai comprando o mundo!

  24. Sou apaixonada por essas latinhas!
    Uso pra tudo..rs
    E além disso são mesmo ótimas pra decoração!

  25. Sylvia Aline

    ótimas compras. uma coisa mais linda que a outra. essa meia é uma fofura

  26. Em Roma eu acabei comprando uns batons pra minha mãe na Kiko, algumas coisinhas na Lush e um vestido lindo na H&M por só 10 euros… me arrependo TANTO de não ter trazido mais vestidos =/ Ah! E vinhos. Trouxe 3 na mala, super de boa 🙂
    Acabei comprando mais coisas no Vaticano, pra minha famílai. São todos católicos fervorosos e fiz a farra por lá heh

    Me tira a dúvida: foi na Alice que vende pizza a taglio? não vi você comentar sobre e lembro que disse que além de mim mais gente tinha te recomendado. Fiquei curiosa pra saber rs

    Beijo!

  27. Vanessa

    As camisas são lindas demais!

  28. Maria Paula

    Oie!!!
    Olha só pq a alfândega é chata com alimentos e bebidas! Aparecem as coisas mais bizarras do planeta por lá! É só um pouquinho de cuidado que eles tem pra que não entrem pragas e contaminantes. 😉
    Beijos!!! =)
    http://revistagloborural.globo.com/Noticias/Cultura/noticia/2015/08/6-apreensoes-curiosas-da-vigilancia-agropecuaria-internacional.html

  29. […] no blog ainda. Tive que resgatar umas mais antigas para não repetir as que fiz em Roma – post aqui! Vamos […]

  30. […] sorveterias, restaurantes e lojinhas. Foi por lá que conheci a Signum, onde comprei várias lembranças de Florença. Também existe uma profusão de pintores nas ruas, de quem comprei obras botânicas muito lindas […]

  31. […] Para verem minhas comprinhas da viagem, é só clicar aqui! […]

  32. […] de compras (com dicas de lojas, claro) que faço sempre depois de viajar! Para verem as versões Roma e Estados Unidos, é só clicar nos links. O foco hoje é Dublin – vai ter de Londres […]