Coisas de Diva Coisas de Diva Coisas de Diva

Tudo começou lá em março, quando assisti a um vídeo no canal da Karol Pinheiro em que ela mostrava um batom com acabamento gloss da Kiko Milano. Ela falou tão bem dele que minha mão coçou para comprar um e experimentar – mostrando tudinho pra vocês, claro!

No fim das contas, nem precisei gastar dinheiro – ganhei de presente de uma amiga querida que mora na Itália porque quebrei um galho aqui no Brasil pra ela! Quem tem amigos tem tudo, vão dizer! <3

Batom com acabamento gloss? Como é isso?

batom com acabamento gloss

Tá, mas vamos à apresentação do batom propriamente dito. O nome científico dele é 3D Hydra Lip Gloss – e tem pra vender nas lojas físicas, em São Paulo! De acordo com a Kiko Milano, estamos falando de:

Batom gloss hidratante efeito 3D para obter um resultado super brilhante. A textura, macia e sensorial, funde-se com os lábios, deixando-os lisos e luminosos. A extrema sensorialidade exalta a experiência da aplicação e a sensação posterior de conforto. A aplicação é fácil e ultra-deslizante, aderindo imediatamente aos lábios. A embalagem moderna é valorizada por uma tampa metalizada com o logótipo KK gravado no topo. O macio aplicador aveludado foi estudado para realçar a textura e delinear os lábios com extrema precisão. Disponível em 30 surpreendentes cores com diferentes acabamentos: transparente, ultra-pigmentado, brilhante ou perolado. A textura não cola e é de longa duração. Dermatologicamente testado. Não-comedogênico.

Caraca, quantas promessas, hein? Aproveitei que o texto é bem completinho para realçar alguns pontos importantes do teste em negrito. Então, pelo que diz a marca, o produto possui efeito super brilhante, dá sensação de conforto aos lábios, possui fácil aplicação (com aplicador que delineia o contorno de maneira precisa), tem versões ultra-pigmentadas e a textura não cola, durando bem na boca.

Ah, mas essa eu quero ver!

batom com acabamento gloss

Uma adolescência inteira usando gloss loucamente não me permite olhar para qualquer produto da categoria sem olhos de desconfiança – afinal, quem nunca usou algum desse tipo que ficou uma meleca total? Mas com esse o lance parece ser outro: uma maquiagem pigmentada, sem partículas de brilho e com cor (a minha é a 21), que confere aos lábios um efeito verniz, digamos.

Pelo que a Karol disse, fiquei na expectativa de usar uma espécie de batom líquido só que sem ser matte, ou seja: algo que não ficasse sambando nos lábios e que não transferisse (coisas que os glosses em geral são campeões de fazer). Até mesmo a Kiko Milano afirma que há durabilidade e textura não-grudenta, afinal de contas! Mas na prática não é bem assim não – lá se foi meu sonho dourado! hahahaha

batom com acabamento gloss

O produto tem uma cor maravilhosa, uma coisa assim meio malva escura. Adorei! Ele também cumpre as promessas de ser super brilhante (no sentido verniz), ter fácil aplicação e possuir ultra-pigmentação. Só que falar em conforto, textura que não gruda um lábio no outro e durabilidade já são outros quinhentos… Eu diria que esse é um gloss ~pimpado~, mas não um batom com acabamento gloss super moderno. Ainda falta a tal tecnologia que permite, de verdade, um acabamento vinílico sem colar.

Ele transfere e fica grudento nos lábios, essa é a verdade! Seria uma idealização muito impossível querer que não fizesse isso? Eu tenho gostado desse estilo brilhante (só que sem glitter e com uma boa dose de cor), mas desse jeito acho complicadíssimo de usar na vida – vai no máximo pra gravar um vídeo, fazer uma foto, enfim, coisas que me poupem do desconforto.

Kiko, eu ainda confio em você!

batom com acabamento gloss

Vai que é praticamente impossível fazer um batom com acabamento gloss do jeitinho que eu imagino, né? Se alguma de vocês não liga pra nada disso e sabe que o grude e a transferência são ossos do ofício, o produto é vendido por R$ 55,90 (6,5 ml).

Categorias
Compartilhe nas redes sociais
20 Comentários: Nos conte o que tem a dizer
Visualizar Comentários

Resenha: blush Kiko n103 (o primo do Orgasm da Nars)

Já estamos sabendo que a Kiko abriu algumas lojas no Brasil, não é? Ainda não tem nenhuma em Curitiba, este blush que te mostro hoje foi comprado numa viagem, mas ele é tão parecido com a versão da Nars que achei que valia a pena mostrar. Acho que a embalagem dele já mudou, mas a corzinha continua a mesma.

Resenha: blush Kiko n103 (o primo do Orgasm da Nars)

Resenha: o que achei do blush

A cor do blush é aquele rosinha com brilhos dourados que a gente já conhece. Ele é bem cintilante e fica bastante ILUMINATIVO no rosto. Ele é muito pigmentado e solta fácil no pincel, então precisa ter um certo cuidado na hora de passar para não exagerar na cor.

Resenha: blush Kiko n103 (o primo do Orgasm da Nars)

A duração na pele é média, não tem uma super fixação mas também não some super rápido. Gostei bastante dele. Infelizmente não tenho mais comigo o blush da Nars para comparação, mas puxando pela memória, sei que são muito parecidos.

Resenha: blush Kiko n103 (o primo do Orgasm da Nars)

Ingredientes da fórmula

Infelizmente não tenho mais a caixinha com os ingredientes, se alguém tiver e puder me enviar, a família Coisas de Diva agradece.

Preço e onde comprar

Não tenho certeza se ele já está à venda no Brasil, mas como base de preços, as sombras custam em média R$20. Tem loja da Kiko no Shopping Pátio Paulista e Shopping Pátio Higienópolis, em São Paulo. A previsão é que a marca abra mais 7 unidades ainda este ano no Brasil.

Categorias
Compartilhe nas redes sociais
4 Comentários: Nos conte o que tem a dizer
Visualizar Comentários

kiko

Já que a Kiko, marca italiana de maquiagem e cosméticos, está chegando no Brasil em breve (segundo a Vogue, em novembro eles começam a abrir as primeiras lojas por aqui, todas em São Paulo), resolvi comemorar a novidade com uma resenha de um produto deles, iluminador em creme Radiant Touch. Querem ver mais?

Iluminador Radiant Touch, Kiko

kiko

Ele é um iluminador cremoso que vem em bastão – a embalagem é tipo a de um batom, só que maior. Ele é retrátil e foi feito para iluminar levemente o rosto, além de ser fácil de aplicar e esfumar na pele.

O que achei dele?

kiko

Olha, já vou começar entregando o ouro e dizendo que AMO esse iluminador. É um dos meus favoritos, mas acabou que nunca fiz resenha dele antes aqui justamente porque não era tão fácil ter acesso aos produtos da marca, já que é uma marca europeia antes vendida só por lá mesmo. Mas agora que a Kiko está chegando por aqui, o negócio fica bem mais fácil, né? Vamos torcer para que os preços continuem acessíveis como são por lá!

kiko

Mas voltando ao assunto, o Radiant Touch é um iluminador cremoso levemente rosado com um brilho meio difuso – ele não tem partículas de brilho ou cintilância e dá um ar de pele saudável, como se o brilho viesse dela mesma, sabem como? Além disso, mesmo sendo em creme (sei que muita gente tem preconceito), ele tem textura sequinha, não-melequenta e fácil de espalhar. Eu passo o bastão direto no rosto mesmo e depois esfumo com os dedos, funciona super bem, adoro o efeito e acho que dura bastante na pele.

Adoro esse produto e torço para que ele venha para cá – vamos torcer e aguardar mais novidades da Kiko por aqui!

Preço e onde comprar

Se não me engano, paguei em torno de 5 euros nesse iluminador – comprei na época que ainda morava em Paris, já que tem lojas da Kiko por lá (várias pessoas já me perguntaram sobre vendedores pra comprar Kiko no eBay, infelizmente nunca comprei por lá, então não tenho nenhuma indicação). Vou ficar devendo a lista de ingredientes porque joguei a caixinha fora sem fotografá-la antes.

Categorias
Compartilhe nas redes sociais
19 Comentários: Nos conte o que tem a dizer
Visualizar Comentários