Coisas de Diva Coisas de Diva Coisas de Diva

Épocas atrás eu andava surtando de tão estressadinha que andava. Depois de parar e pensar um pouco sobre a vida, decidi que a cada semana tentaria conhecer um restaurante diferente, fazer uma receita nova e passear mais. Olha, foi uma das melhores decisões da vida.

Sou muito séria e preocupada com coisas relacionadas ao trabalho, por isso um tempo para mim e para fazer pequenas coisas que me dão prazer são importantes. Um dos passeios que mais gosto de fazer aqui em Curitiba é dar uma volta pelo Mercado Municipal.

Lá, além das frutas e verduras, a gente encontra uma infinidade de coisas bacanas. Tem cereais, temperinhos, queijos e salames, produtos orientais, comidas importadas, vinhos, cervejas especiais e guloseimas de tudo que é tipo.

Dá para ir até lá para fazer as compras da semana, porém os preços não são muito em conta. Eu gosto mesmo de vagar pelos corredores para conhecer coisas novas. Foi lá que encontrei a tal pitaya, aquela fruta diferente que é usada neste esfoliante que mostrei aqui.

Vou lá para encontrar produtos específicos para alguma receita ou só para achar comidas gostosas mesmo. Lá tem o doce de leite La Salamandra – que é praticamente caramelo num potinho, o jamon serrano – que é uma das melhores coisas que já comi na vida e a geleia sem açúcar que meus pais gostam. Confesso que evito um pouco fazer visitas tão frequentes ao Mercado porque sempre gasto uma pequena fortuna.

Dessa vez, a ideia era só tirar fotos para o post, mas voltei cheia de sacolinhas para casa. Trouxe cogumelos, sushi e guioza, chás diferentes, alho poró e mini tomates, cachaça de Morretes para dar de presente, doce de leite, cervejas para meu irmão e também algumas para eu experimentar, porque não sou boba!

Depois da reforma o Mercado ficou todo bonitão e na ala nova tem uma área específica para produtos orgânicos, mas os valores também não são lá muito amigos. Nesta parte também tem restaurantes com essa VIBE mais natural.

Se você gosta de cozinhar e tem curiosidade em conhecer novos sabores, vale a pena uma visita ao Mercado.

Serviço: Av. Sete de Setembro, 1865 – Curitiba Paraná – Telefone: 41 3363.3764 – Site
Na segunda o mercado abre das 7h às 14h. Nos outros dias das 07h às 18h e no domingo, das 07h às 13h.

Categorias
Compartilhe nas redes sociais
32 Comentários: Nos conte o que tem a dizer
Visualizar Comentários
Nos conte o que tem a dizer

Para usar avatar, cadastre-se com seu email em gravatar.com
O que nossas divas já nos disseram
  1. Marilia

    simplesmente A.M.O esses mercados!! *_*

  2. Carolina

    Chorei nessa castanha de caju a R$24 o quilo, pena que moro BEM longe!

  3. Jessica

    Achei que eu era a única doida que gostava de visitar esse tipo de lugar. Amo ir no daqui de Porto Alegre e comer a Bomba Royal!!!!

  4. Que delíiicia de lugar! A gente se enriquece culturalmente quando passa a visitar Mercados e pontos “tradicionais” de uma cidade, né? Me lembrou muito o Mercado Central de Belo Horizonte, já ouviu falar? Uma delícia assim tbm, mas o de Curitiba parece ser mais “limpo”, num sei… hahaha Beijo! Adoro post assim!

  5. Lais

    Muito boa esta tag!! Falem mais sobre Curitiba para turistas (e também não moradores, claro!). Tenho muita vontade de conhecer a cidade! Há algum período mais legal para conhecer a cidade..que vocês recomendam?

    • Pollyana

      Vou me meter na pergunta, pq moro aqui desde que nasci, lá se vão quase 26 anos… o tempo aqui é uma loucura, pode vir em julho e pegar calor (nosso veranico) vir em dezembro e ter de usar sobretudo, fora que casaco, blusinha e guarda-chuva são itens mais que necessários, aquele dia lindo de céu azul pode virar uma baita tempestade em poucos minutos, aquilo de 4 estações em um dia só é super verídico, então sugiro variedade nas roupas da mala ;). Acho que a melhor época para “turistar” por aqui é dezembro, tem lindas decorações de Natal e a apresentação no Palácio Avenida :), masss Curitiba é super turística em todas as épocas, bonitos parques, ótimos restaurantes, sou apaixonada por essa cidade!!!

  6. Gabriela Passos

    cadê os coisas de macho????

  7. Mayara

    Sobre os produtos orgânicos, os preços geralmente são mais caros porque é mais difícil plantar sem agrotóxico.

  8. Olá Sabrina! Em primeiro lugar, AMO Curitiba imensamente. Nasci e moro em São Paulo, mas desde que tive a oportunidade de conhecer sua cidade, me apaixonei! E, por sorte, estive aí no mês passado, no feriado da Independência e fui conhecer o Mercado Municipal. Realmente é um passeio que vale a pena. Só não dá para ir sem dim dim e de barriga vazia rsrsrs
    Parabéns pelas fotos! Eu tirei uma muito bacana na entrada do mercado com a frase ‘Curta Curitiba’! AMO!!! rsrs

    • Pois sabe que no dia que fui lá, tinham colocado um cartaz bem em frente do “Curta Curitiba”? Ninguem tava conseguindo tirar foto.
      :/

  9. Lauren

    Esse mercado é show! Sou do Rio Grande do Sul e todo ano vou à Curitiba para férias e visitas familiares e um passeio que não pode faltar é ao mercado público! O negócio verdinho é brócolis exótico… tô craque já! Hehehehe

  10. Paula

    Nossa, morro de vontade de visitar Curitiba! Todas minhas amigas que já foram a Curitiba amaram!

  11. Marina

    Eeeeita que vontade de dar um pulinho lá no muni!
    Vale lembrar aos visitantes que levem dinheiro de papel, haha. Muitas banquinhas e estacionamentos não aceitam cartão, lá tem uns caixas eletronicos que já me deixaram na mão.

    E só eu acho que pitaya tem gosto de kiwi?

  12. Eliza

    Oi!!
    Adoro o mercado municipal de Curitiba.
    Fico horas andando pelos corredores.
    Gosto muito de almoçar no japonês,uma das melhores comidas japonesas de Curitiba.
    E, de levar umas massas e folhado (o melhor que eu já comi)para casa.
    É um passeio imperdível aqui em Curitiba.

    Eliza,

    • Acho que nunca comi no japonês. Vou provar da próxima vez.
      🙂

  13. Vivianny

    Que mercadão lindo!! Quanta coisa bacana!!!

  14. Fernanda

    Também sou assim, estressadissima com trabalho, dinheiro, contas e afins. Comecei até a ter crises de ansiedade e passei a usar floral pra isso. Mas, cá entre nos, não acredito muito. So que realmente não vale a pena. A vida passa rápido demais. Às vezes é melhor baixar o nível de consumismo e exigência, deixar fluir com menos, precisar de menos coisas.
    Sou do Rio, mas agora moro em São Paulo e adoro o mercado municipal daqui, mas dei uma parada de ir desde que me empurraram uma bandeja de morango por 30 reais (otária!). E cobram 119 pelo kg da cereja, a fruta que mais amo!!! É mole? Alguém de sp sabe de boas dicas pro mercado municipal?

    • Rapaz, R$119? De onde vem as cerejas? De plantação de freiras albinas da suíça?
      Precisa ficar de olho mesmo, aqui acho os preços bem salgadinhos também.
      bjs

  15. Elisa

    Oi Sá! Apesar de ser a primeira vez que comento, sou uma visitante assídua, leitora aqui do interioR de SP (ah, adorava o Jujuba também).
    Quanto a decisão de tentar conhecer algo diferente, eu amei! Acho que me encontro nessa fase e vou trazer isso pra vida (o mais diferente na minha rotina semanal foi comentar no blog hehe)!! Graaaande beijo! Sou fã de vocês 😉

    • Tá certa, tenta encontrar algo que te dá prazer, pode ser qualquer coisa. Faz um bem que só!
      Quero te ver comentando mais vezes. 🙂

  16. Fernanda Lins

    Menina! AMO SUA TERRA! Na segunda vez que fui, deixei meu dinheiro quase todo aí nesse mercado! Muita coisa boa!
    Se eu morasse próximo a um mercado bom assim,faria compras todos os dias de acordo com o que desse vontade de cozinhar. *_*
    Beijos!

    • Nem me fale, tenho que ficar longe dele se não deixo o salário lá.
      🙂

  17. vanessa

    Olá,
    Ai é bem bonito, mal lhe pergunte, é uma fruta, a que está num prato de isopor embalado?. A que está entre as compotas e as castanhas de caju?. E deu água na boca este doce de leite, e olha que não sou muito chegada a doces, hum. E ´Sá ( olha a intimidade,rs) eu gostava muito do jujuba gourmet, pena que acabou,snif.

  18. Renata

    Quando conheci o Mercado de Curitiba há alguns anos, ele não estava bonito assim e nem existia essa área de orgânicos… Estou voltando a Curitiba no próximo mês e pegando várias dicas da cidade aqui no Coisas de Diva. Apesar de morar em SP e de termos aqui o Mercado Municipal mais legal que eu conheço, sempre gosto de ir nos mercados locais, conhecer os produtos regionais… o de BH é o mais exótico que já conheci, vendem até animais vivos, tanto para consumo (que dó) como os de estimação como gatos e cachorros =O

    • O nosso tá bonito assim pq foi “renovado” a pouco tempo.
      bjs

  19. DENISE GOMES

    ai como eu AMEI Curitiba!!! Estive ai nas minhas férias em março desse ano e o Mercado foi uma surpresa maravilhosa!!! voltamos recomendando a cidade pra todo mundo!! kkkkkkkkkk

  20. Eu sou de Curitiba mas não fui depois que reformaram, pelas fotos está lindo!! Tenho que programar esse passeio com certeza! Adoro quando vocês dão dicas da cidade, sou nova em Curitiba e é ótimo ter dicas de lugares legais para conhecer!
    http://minhacasaorganizada.wordpress.com/