Fugindo do brilho

Sabrina Olivetti POR Sabrina Olivetti
Gostou?
| Este post está dentro das categorias: Coluna na Tribuna
Curte aqui:

Semana passada ensinamos como ter uma pele luminosa como das estrelas do tapete vermelho, lembra? Pois a coluna desta semana vai no sentido oposto. Hoje vamos falar sobre produtos matificantes e que retiram o brilho de oleosidade da pele.

Quem tem pele oleosa sabe como é, por mais que haja cuidados constantes, no final do dia o brilho teima em aparecer no rosto, principalmente na área que compreende testa, nariz e queixo, a zona T.

Dermage | Mary Kay | NYX | Artdeco | Ricca | Sephora | Eudora | MAC | Le Lis Blanc Beauté | Shiseido

Existem tratamentos específicos para a pele oleosa e que devem ser indicados por um médico dermatologista, porém, se o assunto for quebrar um galho até chegar em casa e poder lavar a face, os produtos antibrilho são ótimos aliados. Eles não tratam a pele, mas disfarçam o problema momentâneamente.

Para manter o brilho de oleosidade longe do rosto, aposte no pó compacto logo após se maquiar. Ele vai fixar melhor a maquiagem e deixar a pele opaca por mais tempo. Escolha produtos que tenham a mesma cor da sua base e o mesmo tom da sua pele.

Além do pó compacto, existe também o pó solto, que vem num potinho e deve ser espalhado com pincel. A diferença fica mesmo na apresentação, um é prensado e o outro solto, mas o resultado na pele é praticamente o mesmo.

Maybelline e MAC tem produtos em pó compacto que são excelentes para pele oleosa e ambos funcionam como matificante. O primeiro é o pó Pure Makeup e o segundo é o Blot. Já na categoria de pó solto, quem disse, berenice? tem o recém lançado Pó Translúcido Antibrilho e Nars possui o Light Reflecting Setting Powder.

Para quem acha que o pó não dá um acabamento natural na pele, vale apostar nos lenços matificantes. Como o nome diz, são lencinhos feitos de material super absorvente e devem ser encostados no rosto para absorver a oleosidade. Ricca e Mary Kay possuem lenços de papel que são vendidos em embalagens de 50 e 75 unidades, respectivamente. Já Dermage e Eudora comercializam a versão em plástico, que também funcionam muito bem, ambos com embalagens de 30 lenços.

Most Wanted Outubro

Sabrina, Marina e Thais POR Sabrina, Marina e Thais
Gostou?
| Este post está dentro das categorias: Most Wanted
Curte aqui:

Ahh… Chegou aquela hora do mês por aqui – a de falar de tudo aquilo que a gente quer, não tem importância que o salário não dê para tudo, é só para a gente trocar figurinhas! Conta para a gente o que vocês querem aqui embaixo também :).

01. Corretivo Radiant Creamy da Nars: Já faz um tempo que quero comprar o mocinho mas as cores que podem dar certo para mim estão esgotadas em terras nacionais. #mimimi Dizem que este corretivo é sensacional.

02. Óleo de coco Organix: Todo mundo fala que óleo de coco é ótimo para os cabelos, pois esta versão da Organix foi feito especificamente para as madeixas. Fiquei curiosa para testar!

03. Porta-retrato de alce: Vi este porta-retrato na Lots, aqui em Curitiba, e me apaixonei. Só que ele custa R$150. Ai ai, que engraçado! Só rindo mesmo.

04. Protetor solar em bastão Pinkcheeks: Uma leitora comentou comigo sobre está marca (perdão por ter esquecido seu nome) e fiquei interessada. Ela foi pensada e idealizada por mulheres que correm, legal né? Alguém já testou para contar para a gente?

05. Loção hidratante Bem-vinda Primavera Nativa Spa Boticário: Não sei que cheiro tem, só sei que a embalagem é lindeza. Contagem regressiva para ir na loja averiguar esse aroma!

01. Papel de Parede Adesivo Pixel Brilho, Collector 55: Me apaixonei por esse papel de parede da Collector! Parece bem simples de aplicar, mas acho que só conseguiria usar num pedacinho de parede, porque é caro que só!

02. Velvet Matte Lip Pencil Cruella, NARS: Lá na masterclass que fizemos na Sephora, acabei usando a cor Majella desse lápis labial, mas meu intuito mesmo era experimentar o Cruella! As cores são bem parecidas, porém o acabamento do Majella é Satin, enquanto o Cruella é Matte. No final da aula, achei no mostrador o Cruella e passei por cima – por isso, na foto do nosso Instagram, era ele que estava usando!

03. Frapê de Banho Dreamwash, Lush: Amo cosméticos para usar debaixo d’água e achei incrível a proposta de um produto que não é um sabonete líquido, e sim, um FRAPÊ DE BANHO. Parece genial, mas ai, meu bolso! De qualquer forma, sou doida para experimentar algo da Lush, que está agora no Brasil porém nunca morou no meu banheiro.

04. Livro Pequenos Arranjos do Cotidiano, Helena Lunardelli: Pra quem não conhece, a Helena é uma florista super famosa em São Paulo! Fiquei tentada a comprar o livro dela depois de ver a dica no Cozinha Prática, da Rita Lobo. Queria muito aprender a fazer arranjos sozinha, acho um charme uma casa cheia de flores!

05. Condicionador a Seco com Óleo de Argan, Batiste: Li nos comentários de um post meu que a Batiste, além de fazer mil e uma opções de shampoo a seco, está agora com condicionador nessa versão! Fiquei curiosa para experimentar – acho que a pegada é a mesma daqueles sprays de brilho em latinha, sabem?

Sombras Dual Intensity, Nars: Olha, apesar de eu ser a louca das paletas Naked, vou confessar que não amo tanto assim sombras quanto amo batons, por exemplo. Mas não teve jeito, essas dessa coleção Dual Intensity, da Nars, são a coisa mais linda! Morri quando vi no Pausa Para Feminices.

Canetinha para cutículas The Body Shop: Bom, como aqui eu mesma preciso fazer minhas unhas (no Brasil eu já fazia, mas lá sempre tinha uma manicure a quem recorrer em caso de desespero, né?), resolvi, pela 342a vez, parar de tirar as cutículas. Tenho usado várias dessas canetinhas, mas diz a lenda que essa da The Body Shop é genial – tanto que ela tá sempre esgotada nas lojas, fui em algumas nos últimos dias e não achei!

Perfume Valentina Rosa Assoluto: O Valentina normal é meu perfume preferido da vida já tem uns três anos – e aí agora saiu essa edição especial que também é incrível E EU QUERO MUITO (só não comprei porque ele é meio caro e ainda não deu, risos).

Ampolas capilares Natura: Adoro essas ampolinhas, uso muito e também me dou super bem com as máscaras de hidratação da Natura. Logo, fiquei curiosa para usar essas.

Óleo demaquilante Tranquil, MAC: Sou o tipo de pessoa bastante influenciável por miniaturas de produtos expostas na fila do caixa – foi justamente assim que comprei esse óleo. Comprei o mini, mas amei tanto que quando acabar vou comprar o de tamanho normal.

Lápis para lábios da Impala

Marina Fabri POR Marina Fabri
Gostou?
| Este post está dentro das categorias: MaquiagemResenha
Curte aqui:

Outro dia mostrei umas opções bem legais de lápis para lábios – só que eles são super caros, lembram?

Pois os de hoje são o oposto – baratíssimos!

Comprei junto com várias coisas da linha de make da Impala – como tinha muita gente querendo saber mais sobre os produtos, aproveitei e já escolhi alguns para testar.

Escolhi o rosa e o vermelho – eles têm o formato tradicional, de madeira, fininho e com esse pincel da ponta (que, como vocês podem imaginar, meio que não serve para nada porque o lápis é muito durinho para espalhar com pincel e o pincel também é meio molenga para usar com batom).

Os dois são bem firmes (como normalmente são os lápis para lábios), mas não são difíceis de passar, e bem sequinhos. O único problema é que o rosa é muito claro, praticamente não aparece nos meus lábios. Esse, mesmo tendo sido baratinho, não indico, não.

Já o vermelho acho bem bonito – ele é bom tanto para contornar os lábios quanto para usar como batom mesmo. A durabilidade é boa e ele não fica super chamativo – bom para usar de dia ou para as mais discretas.

Paguei R$ 2,55 em cada lápis na Netfarma. Ainda tá rolando promoção, inclusive – muitas meninas me perguntaram sobre o prazo de validade e o das minhas coisas veio ok, se não me engano elas vencem em junho do ano que vem. Mas não sei informar sobre todos os produtos que estão a venda – é melhor falar direto com eles se tiver alguma dúvida quanto a isso.

3 filmes e 2 séries para assistir já!

Thais Marques POR Thais Marques
Gostou?
| Este post está dentro das categorias: DicasFilmesSeriados
Curte aqui:

Já fui super viciada em televisão quando era mais nova – hoje, são raros os momentos em que ligo a do meu quarto! E, quando ligo, é para assistir um filme ou alguma série que gosto!

Não tenho acompanhado nenhum seriado gringo por motivos de: tenho preguiça de ver na tela do computador. Gosto mesmo é da telona! Por isso, as duas séries que estou assistindo estão passando no GNT e, quando perco algum capítulo, coloco no NET NOW. Quanto aos filmes, faço também a ~old school e vou até a locadora buscar (Netflix, não trabalhamos!).

Separei 3 filmes e 2 séries que recomendo para vocês! São temáticas bem diferentes, mas todas, de alguma forma, prenderam minha atenção:

A MÚSICA NUNCA PAROU

Sou uma apaixonada pelos anos 60: a estética, a cultura e a música! Nesse filme, os pais de um rapaz desaparecido há 20 anos encontram o filho, que está com um tumor cerebral que faz com que sua memória tenha parado no tempo – mais precisamente, na época de músicos como Bob Dylan e bandas como Grateful Dead (<3). Aos poucos, o pai começa a se reconectar com o filho, passando por cima de todos os problemas que os dois tiveram no passado, sempre gerados pela música e pensamentos vanguardistas da época. É lindo, emocionante (óbvio que chorei) e tem uma trilha sonora sensacional!

O CONGRESSO FUTURISTA

Metalinguagem é comigo mesma – e esse filme tem o recurso de sobra. A começar pela protagonista, Robin Wright (aquela de Forrest Gump, lembram?), que interpreta a si própria, numa situação em que está com sua carreira em crise. Ela é convidada a escanear todas as suas emoções como atriz e vendê-las a uma produtora de cinema, que promete colocá-la em longas sem que precise atuar, apenas com uma representação gráfica de si própria (louco, né?). A promessa de ficar eternamente jovem, mesmo que jamais pudesse atuar novamente na vida, leva Robin a assinar o contrato. O que acontece depois disso parece uma viagem de ácido, mas é absolutamente sensacional. Talvez não seja o gênero mais fácil de entender, mas me fez ter vontade de assistir várias vezes para poder pensar mais e mais a respeito.

A GAIOLA DOURADA

Esse filme tem uma proposta bem mais leve. Fala sobre uma família de portugueses que se instalou em Paris e mora num prédio, onde a mãe trabalha como zeladora, e o pai, faz-tudo. Eles descobrem a oportunidade de voltar à Portugal graças a uma herança e decidem que essa é a melhor opção – não fosse pelo pessoal do condomínio, que descobre o intuito e começa a fazer de tudo para que fiquem por lá. É um filme engraçado, gostoso de assistir e as histórias individuais dos personagens se cruzam de uma forma muito legal. É todo falado em francês, mas em certas partes eles conversam em português e isso é bem divertido (especialmente os palavrões, hahahaha).

LILI, A EX

Adaptação das tirinhas do cartunista Caco Galhardo, Lili, A Ex traz Maria Casadevall como Lili, uma ex-mulher ciumenta que faz de tudo para atrapalhar os novos relacionamentos de Reginaldo. As situações são tão absurdas e tão verdadeiras ao mesmo tempo que fazem dessa série algo imperdível! Fora que o apartamento de Lili (alugado propositalmente ao lado da casa de Reginaldo, no mesmo andar) é uma graça, inspiração total. O estilo dela também vale ser acompanhado: moderninho, com uns batons coloridões, cabelo de louca (bem bagunçado) e roupas bem descoladas. A série passa no GNT toda quarta, às 22h30.

OS HOMENS SÃO DE MARTE E É PRA LÁ QUE EU VOU

Uma peça que virou um filme e agora é uma série, também no GNT (passa toda quinta, às 22h30). Mônica Martelli fez sua fama como atriz depois de Os Homens São de Marte…, interpretando Fernanda, uma recém-separada que produz casamentos e acredita no amor. Ela é toda idealizadora e sempre tem certeza de que o novo cara é o certo! Fora que também é uma atrapalhada, o que me faz dar gargalhadas na frente da TV! A história tem se desenrolado nos mesmos moldes do filme, mas com mudanças de atores e, claro, novos acontecimentos. Curto muito o estilo da Fernanda na série: muitos jeans skinny, umas camisas legais e aquele cabelo comprido que é sensacional.

Quanto aos filmes, vale dizer que não são blockbusters – é tão legal ir na locadora e vasculhar essas possibilidades novas, que ficam na sessão de arte, língua estrangeira… Tem opções muito boas! Já as séries são super acessíveis e estão muito bem feitas. Eu nunca tinha dado tanto bola pras coisas feitas aqui (erro) e agora tô viciada na Lili e na Fernanda! Dou altas risadas com elas porque o clima no geral é super levinho, bom para desestressar depois daquele dia cansativo!

E aí, já viram algum desses filmes e séries? Contem pra mim!

Quer ver o conteúdo mais antigo? Navegue em posts anteriores!
Página 4 de 1.32023456