Coisas de Diva Coisas de Diva Coisas de Diva

Aqui no Coisas de Diva não estamos pra brincadeira: a leitora pediu, nós vamos atrás! Isso aconteceu esses dias com o e-mail da Anna Clara, que me pediu um post sobre acidificantes para o cabelo. Como sou dona de fios naturais, nunca tinha nem ouvido falar desse negócio! hahahaha Mas aí fui pesquisar e conversei com o André Padovani, cabeleireiro especialista em química do salão Lady&Lord (ele atende na unidade do Shopping Curitiba!). Vejam só as informações que ele passou pra gente!

Antes de começar, é importante entender sobre pH – lembram das aulas de química da escola? Pois então. A medida vai de 0 a 14, sendo 0 a mais ácida, 7 a neutra e 14 a alcalina (básica). O cabelo da gente costuma ter pH de 5,5 (chamado de pH fisiológico). Quando colocamos determinados tipos de química (clareamento, coloração, escova definitiva), ele se torna mais alcalino, ou seja, fica com as cutículas abertas, que deixam o aspecto bem ruim. É aí que entram os acidificantes! “Eles são reguladores de pH que passam os fios de alcalinos para neutros [nos padrões do nosso pH fisiológico]. O pH dos acidificantes gira em torno de 2,5, justamente para serem usados em cabelos super alcalinos, fechando as escamas”, explica André.

De acordo com o cabeleireiro, esse tipo de serviço é feito com muita cautela no salão. “Não costumamos fazer em quem não tem coloração ou não esteja com as cutículas abertas. Verificamos isso pelo aspecto dos fios – opacidade, textura, se embaraça muito, se tem pontas duplas, se está muito oleoso… Uma pessoa pode estragar o cabelo se aplicar o produto indiscriminadamente, por isso não indicamos fazer em casa. Inclusive, dá para encontrar acidificantes em lojas de cosméticos, mas passar pode ser perigoso se for colocado em exagero, aplicado todo dia ou numa quantidade errada. Isso tudo pode causar a quebra, pois a cutícula vai enrijecer, consequentemente o fio perde maleabilidade”. Então, meninas, já sabem: melhor conversar sempre com um profissional antes de acidificar!

André conta que os acidificantes eventualmente são usados para pessoas que viajaram ao exterior, principalmente para a Europa, onde a água é alcalina. “O cabelo sofre com esse tipo de água, pois ela acaba abrindo cutícula. Os produtos de lá costumam ter base mais ácida justamente para neutralizar o pH. Se o cabelo está precisando, os produtos com pH mais ácido acabam dando mais brilho”. Ele esclarece que o momento de usar o acidificante é depois da química, antes mesmo da lavagem com shampoo no salão. “O efeito é visível e imediato. Na aplicação mesmo já dá para ver o brilho, a cutícula fechada”.

Outro uso comentado pelo especialista é após a hidratação dos fios com máscara. “Antes de hidratar, a cutícula está fechada, para então receber o tratamento. Se não fecharmos a cutícula de volta e acertarmos o pH do cabelo, na próxima lavada ele já está sem hidratação. É como uma porta aberta. Até mesmo um cabelo virgem poderia receber o acidificante, se a cliente falasse pra mim que está cansada de fazer máscara e não sentir o efeito”, afirma.

Na montagem ali em cima, coloquei produtos indicados pelo André para acidificar o cabelo. Mas, não custa repetir: melhor não fazer em casa e deixar que um profissional avalie seu caso! Segundo o cabeleireiro, o Shot Phix, da Redken, tem dois níveis – um é indicado para cabelos menos sensibilizados e tem pH de 5,5; já o outro conta com um com pH de 3,5. “Tem também um shampoo pós-coloração da Keune chamado After Color, que tem pH 4 [na imagem, há o condicionador também]”, finaliza.

E então, gostaram do post? Espero que tenha tirado as dúvidas da Anna Clara e servido para mais meninas que tinham curiosidade com os acidificantes!

Categorias
Compartilhe nas redes sociais
48 Comentários: Nos conte o que tem a dizer
Visualizar Comentários
Nos conte o que tem a dizer

Para usar avatar, cadastre-se com seu email em gravatar.com
O que nossas divas já nos disseram
  1. Priscila

    Nunca tinha ouvido falar desse treco também, mas aprendi mais uma coisa com o CDD.

  2. Mah

    Já tinha lido que se passar vinagre (que é ácido) no cabelo fica mais brilhante. Mas não sabia que tinha produtos específicos, bem interessante, já que ninguém merece ter que passar vinagre na cabeça.

    • Alê

      Minha mãe passava vinagre no meu cabelo quando eu era criança e tinha piolhos, rsrs Não conhecia esse fim mais ~nobre~ pra ele

  3. Sylvia Aline

    muito interessante. acho que até os cabeleireiros desconhecem esse produto. queria muito testar para ver se meu cabelo melhora

  4. Ana Carolina

    Que legal esse post Thais! Nunca tinha ouvido falar sobre acidificantes! Falando em cabelos, vc achou um cabelereiro pra substituir o Valdir? To orfã ainda e queria a sua opinião, pq testei um no Lady&Lord do Mueller e não rolou! Beijos.

    • Ainda não! Mas tô precisando de um corte novo urgente! Logo venho com notícias!

  5. Julliane

    Thais, eu usei esse produto. Ele é para ser usando quando se faz uma cauterização a frio. A Redken tem essa cauterização, alem do acidificantes citado acima, vai outros produtos para finalizar. O cabelo fica mais que ótimo. rsrs

  6. Fernanda Penido

    Nunca tinha ouvido falar, mas conhecimento nunca é demais!

  7. Sacha

    Que barato isso. Nunca tinha ouvido falar sobre.
    Muito bacana o post Thais, abordado assuntos relativamente desconhecidos.
    O meu cabelo se não pentear umas 3x por dia vira um dread só e mascara de hidratação realmente “não pega”, quem sabe com esse produto não da um up nele!

  8. Geórgia Cabral

    Simplesmente AMEI o post! Na internet tem várias receitas caseiras e as meninas usam com uma boa frequência, mas nunca foi citado que o mal uso causava quebra e outros danos… Não sabia! Parecia algo tão inocente, tão “sem erro”, rsrs
    Como tudo na vida, a orientação de um bom profissional continua sendo indispensável 🙂

  9. Paloma

    Ótimo post! Ouvi falar de acidificantes quando entrei em um grupo de cronograma capilar no facebook (obrigada, Raíssa :D), lá recomendam bastante a reconstrução ácida, que se eu não me engano é feita com vinagre, e pelo que entendi ele funciona como acidificante, mas não me informei muito porque parece ser voltado para cabelos mais danificados, o que não é meu caso.

    • Raíssa

      Por nada, que bom que gostou. 🙂

  10. Lilian

    E eu que achava que meu cabelo era básico….agora tenho certeza! kkkkkkk
    Que vocabulário extenso esse da beleza!!!! Nunca imaginei que que tem química no cabelo é porque deixou o cabelo alcalino….agora tudo faz sentido!!!kkkkkkkkk

  11. Márcia Daniella

    Amei o post. Super explicadinho!!

  12. Amiga, este post ficou muito legal!
    🙂

  13. Luciana

    Vivendo e aprendendo…no CDD!
    Nunca tnha ouvido falar. Já li sobre o vinagre, como já disseram acima, mas não liguei uma coisa a outra!

  14. Daniele

    Muito bom o post, já tinha ouvido falar mas não tão explicadinho assim!!

  15. Gostei das dicas do post, só que diferente da orientação do André, faço a utilização do acidificante da Joico em casa mensalmente, pois desde que passei a clarear os cabelos, minhas escamas vivem abertas.

  16. Sônia

    Uso mensalmente o K.pro Ph Balancer após a coloração. Vale a pena!

  17. Miriã Andrade

    Sempre tive muitas dúvidas sobre esse assunto, mas o seu post foi esclarecedor, Thais! Eu uso o acidificante da K.Pro após a coloração, é super importante e dá um resultado ótimo! 😉

  18. Layla Moreira

    Tinha DúvidaS Sobre O Assunto Também =)

  19. Fran

    amei o post, tenho um acidificante e não sabia direito como usar. Taís mesma pergunta da Ana Carolina, fiquei orfã do Valdir, quem tu indica?
    Preciso acertar a cor do meu cabelo e não tem noção de quem procurar aqui.. já em um salão mas n deu muito certo. E qto a valores, lady e lord são parecidos com o stylo?
    Sei que não gosta de falar preços mas pra mim seria ótimo, pra ter uma noção e não ir desprevenida. Obrigada e parabens pelo post.

    • Fran, o Stylo tem preços parecidos com os do Lady&Lord, sim! 😉

  20. Fernanda Gabriela

    Nossa nao sabia de nada disso! Cdd é ciência! Parabéns, Thais!

  21. Anna Clara

    Nooooossa que vocês não estão pra brincadeira mesmo não, né? Que rapidez! Muito obrigada por sanar minhas dúvidas! Achei mesmo um assunto interessante, mas que se a promessa é muito boa, o santo devia desconfiar… Antes de usar vou num profissional pra ver se é indicado pro meu cabelo! Muito obrigada pela ajuda, Thaís! Amo o blog, amo as três! Trabalho maravilhoso, não é de se espantar o reconhecimento do Signature9, estão de parabéns! Beijos pra vocês diretamente do Piauí! Hehehe =*

  22. Nossa.. q interessante..
    Nunca tinha ouvido falar… achei muito interessante.. ainda bem q vc colocou q frisou bem q não é pra fazer em casa..
    senão aloca aqui já ia se jogar…

  23. Laíza Veiga

    Adorei o post! Já havia ouvido falar mas não sabia pra que servia. Só uma correção Thais, a escala de pH vai de 0 a 14, e não de 1 a 14 como vc mencionou. Abraços!

  24. Bárbara

    Nunca tinha ouvido falar disso, mas achei bem interessante! Coisas de Diva sempre ensinando coisas novas.

    http://vidadecompras.blogspot.com.br/

  25. Raíssa

    Acho que dá para fazer reconstrução ácida mesmo se o cabelo não tiver química, é só não “exagerar” e deixar exatamente o tempo indicado pelo fabricante. Ajuda muito quem está com o cabelo poroso. O jeito que eu vi como usar era lavando com shampoo primeiro e depois passar o acidificante antes da máscara. Como quem precisa geralmente tá com o cabelo fragilizado, acho que o melhor mesmo é ignorar máscara de hidratação e partir logo para os produtos reconstrutores, com queratina, ceramidas etc.
    O acidificante mais famoso que eu conheço é o K-Pro, mas vi que a Lola lançou um esses tempos também. E, como falaram, vinagre de maçã ou de arroz (tem que ser um desses dois) faz o trabalho também, é só diluir em água que não resseca, não.

  26. Beatriz Martins

    Nossa, nunca tinha ouvido falar sobre isso, ainda estou com duvidas sobre isso, vou dar mais uma pesquisadinha.

  27. Olha só! Quando trabalhei num salão (como depiladora), sempre testei os tratamentos disponíveis e tinha um chamado Correção de PH… era uma hidratação usando produtos de uma marca nacional, a Mutari… lembro que foi a “hidratação” que mais gostei, foi muito incrível o resultado mesmo, mas na época nem parei pra pensar o que tinha de diferente… tá explicado! Parabéns meninas, beleza com conhecimento, só aqui no CDD!!!

  28. Polyana

    Muito bom o post Thais. Bem explicado. Nem conhecia esse produto, mas agora vou saber no meu salão 🙂

  29. Keilla

    Eu uso o bom e velho vinagre de maçã. Diluo 20 ml dele em 2 litros de água. Cabelo fica brilhante, não fica fedendo (tudo depende da qtde que passa), desinfeta a raiz e com os meses tenho percebido redução no frizz (tormento de toda cacheada). Acho que pra cabelos 100% naturais, o vinagre resolve bem. Vejo esses produtos acima mais indicados para cabelo bem danificados por química.

  30. Bárbara

    Muito bom saber disso, agora eu entendo o pq meu cabelo vira uma palha pós luzes e leva dias até a hidratação pegar direitinho. 🙂

  31. Yasmim Costa

    Oi thais (: gostei muuito de vc falando num assunto desconhecido. Só achei que o cabeleireiro quis assustar! O acidificante é utilizado depois da química e para cabelos coma s escamas muito abertas e isso não ocorre sempre, logo não acho que alguém realmente vá usar sempre (mesma lógica de se fazer uma reconstrução!). E existe também a reconstrução ácida que segue esse raciocínio, passar a máscara e depois usar ele. E melhor ainda é o fato de o vinagre ser um acidificante TÃO bom quanto esses caros, o f*** é o cheiro, mas ele some depois do cabelo ter secado, sério, ja usei acidificantes caros e vinagre e sinceramente, não teve nenhuma diferença significante que me fizesse querer comprar os caros de novo

    Espero que tenha mais posts assim! 😀

    Beijso linda

  32. Amanda

    Meninas CDD, eu sempre tive uma dúvida mas com relação à ordem. O correto é shampoo, máscara e condicionador OU shampoo, condicionador e depois a máscara?
    E demais leitoras, no caso de cabelos com luzes e progressiva, o vinagre de maçã ajuda?
    Obrigada

    • Shampoo, condicionador e máscara! 🙂

    • Lucilla

      Na verdade, segundo o Jean Phillip do Blend é shampoo, mascara, e condicionador. O condicionado age selando parcialmente as cuticulas fazendo o efeito da mascara durar mais.

  33. dany stace

    Post babadooooooooooooooooooooooooooooooooooooooooooooooo
    Aprendo mas uma vez a respeito de algo muuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuito interessante no CDD. Esse blog é cultura meu povo.

  34. Roberta

    Realmente este acidificante da K.pro é muito bom e funciona como um selador de cutículas. Tem embalagem de 240 ml e a preços excelentes. Trabalho com a marca quem quiser saber mais a respeito me contate. Existem varias formas de usa-lo. Excelente post parabens.

  35. Alê

    Adorei o post, não conhecia essa técnica 🙂

  36. Lívia de Souza Gato

    uhuuul, acho que descobri o que está acontecendo comigo!
    Tingi meu cabelo há umas duas semanas e de lá pra cá venho tentando vários tratamentos, seguindo meu Cronograma Capilar, mas não tinha resultado algum. Meu cabelo está seco, espigado… day after então está horrível.
    Thais, no meu caso, que não apliquei logo em seguida da coloração… como posso proceder?
    Pensei em hidratar o cabelo e finalizar com o acidificante, para ele fechar a cutícula e segurar o tratamento. Está certo?

  37. Ligia

    Olá! Vocês já ouviram falar do Acidificante da Lola cosmétics? A Lola é uma linha carioca que é bem mais natural do que as mais utilizadas nos salões, até por isso ela tem um acidificante de uso caseiro que faz parte de uma linha de tratamento de Óleo de Argan. Gostei muito! Acho que vocês podiam testar! =)

  38. joselia

    Nossa so li reclamação desse acidificante da lola, comprei antes de ler e sinceramente não vou ter coragem de usardepois de tudo q li, afffiiii…..pq não li antes de comprar…